Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Mariana Barros - Morar em SP Por Blog

Fotos de arquitetura no Tomie Ohtake

O Masp clicado por Hans Gunter Flieg em 1956 Na primeira parte, estão agrupados os edifícios. Na segunda, apenas de escadas e rampas. Assim foram organizadas as fotografias de arquitetura que integram a exposição Arquitetura Brasileira Vista por Grandes Fotógrafos, em cartaz no Instituto Tomie Ohtake. Com curadoria de André Correa do Lago, a mostra reúne imagens […]

Por admin Atualizado em 27 fev 2017, 10h26 - Publicado em 18 jun 2013, 14h09

O Masp clicado por Hans Gunter Flieg em 1956

Na primeira parte, estão agrupados os edifícios. Na segunda, apenas de escadas e rampas. Assim foram organizadas as fotografias de arquitetura que integram a exposição Arquitetura Brasileira Vista por Grandes Fotógrafos, em cartaz no Instituto Tomie Ohtake. Com curadoria de André Correa do Lago, a mostra reúne imagens de 28 fotógrafos, entre 11 brasileiros.

Fazem parte do time Angelo Serravalle, Bob Wolfenson, Cristiano Mascaro, Dmitri Kessel, Fernando Stankuns, Francisco Albuquerque, Ge Kidder Smith, Hans Gunter Flieg, Iñigo Bujedo, Jean Manzon, Jorge Machado Moreira, Leonardo Finotti, Lucien Clergue, Marcel Gautherot, Massimo Listri, Michel Moch, Nelson Kon, Paolo Gasparini, Patrícia Cardoso, Peter Scheier, René Burri, Rob Crandall, Robert Polidori, Romulo Fialdini, Thomas Farkas, Todd Eberle, Virgile Simon Bertrand — são franceses, americanos, canadenses, alemães, italianos, argentino, suíço, espanhol, ucraniano…

“Essa exposição é dedicada aos fotógrafos que nos ajudam a descobrir, apreciar e eventualmente amar a arquitetura”, diz Correa do Lago. Trata-se da terceira mostra sobre arquitetura realizada no instituto. A série foi iniciada em 2010 com Viver na Floresta (curadoria de Abílio Guerra), seguida por  O Coração da Cidade – A Invenção do Espaço de Convivência (curadoria de Julio Katinsky). A edição atual permanece exposta até 21 de julho.

Arquitetura Brasileira Vista por Grandes Fotógrafos
Até 21 de julho de 2013,de  terça a domingo, das 11h às 20h. Entrada franca.
Instituto Tomie Ohtake – Av. Faria Lima, 201 (entrada pela Rua Coropés) – Pinheiros. Telefone: (11) 2245-1900

 

Rampas do Centro Cultural São Paulo, por Patricia Cardoso

 

Nelson Kon é o autor dessa imagem do Sesc Pompeia, outro projeto de Lina Bo Bardi

Continua após a publicidade
Publicidade