Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Tudo Sobre Cinema

Com Viola Davis, veja quatro boas novidades no Amazon Prime Vídeo

Um Limite Entre Nós, Pequena Grande Vida, A Amante e Culpa são ótimas opções na plataforma de streaming

Por Helena Galante Atualizado em 8 fev 2021, 20h17 - Publicado em 22 jan 2021, 06h00

Um Limite Entre Nós

A sintonia de Viola Davis (que ganhou o Oscar de melhor atriz coadjuvante) e Denzel Washington é impecável em Um Limite Entre Nós. Também diretor, o protagonista leva às telas uma boa adaptação da peça Fences (Cercas), de August Wilson, na qual interpreta Troy, um lixeiro na Pittsburgh da década de 50. Casado com rose (Viola), ele tem um filho do primeiro casamento, além do jovem Cory (Jovan Adepo). em ambiente aparentemente harmônico, um atrito vem à tona quando o caçula se mostra interessado em ser jogador de beisebol — e o pai, linha-dura e orgulhoso, é contra.

Viola abraçando Denzel
Viola Davis e Denzel Washington: sintonia impecável Divulgação/Divulgação

Pequena Grande Vida

Ainda que a história inclua muitos clichês, o diretor e roteirista Alexander Payne parte de uma ideia muito criativa em Pequena Grande Vida. Matt Damon e Kristen Wiig interpretam Paul e Audrey Safranek, um casal decidido a mudar radicalmente de cotidiano e de… tamanho (!). Eles resolvem ser miniaturizados para poder morar na próspera Lazerlândia, uma cidade minúscula onde reinam a fartura e a felicidade. Até tudo sair do planejado.

Imagem com diversos atores de A Pequena Grande Vitória
A Pequena Grande Vitória: ideia criativa Divulgação/Divulgação

A Amante

A Amante tem Majd Mastoura como Hedi, um insosso vendedor que vive à sombra da mãe e do irmão. Ambos querem impor ao protagonista a união com uma bela jovem. ele aceita. Contudo, durante uma viagem, Hedi se envolve com a dançarina Rym (Rym Ben Messaoud). O tunisiano Mohamed Ben Attia dirige a história com conflitos íntimos e realistas, mas aborda também tradições arcaicas.

Casal de A Amante
A Amante: o tunisiano mohamed Ben Attia dirige a produção Divulgação/Divulgação

Culpa

Praticamente num único ambiente e com um personagem, o diretor Gustav Möller faz milagres na direção e no roteiro (também de sua autoria) para não deixar o clima tenso cair em Culpa, da Dinamarca. O oficial de polícia Asger (Jakob Cedergren) pretende solucionar um caso de sequestro de uma mulher que diz ter sido levada de casa pelo ex-marido e corre risco de ser morta.

Protagonista de Culpa
Culpa: Gustav Möller faz milagres na direção Divulgação/Divulgação

+ Clique aqui para assinar Amazon Prime Video

+Assine a Vejinha a partir de 6,90.

Publicado em VEJA São Paulo de 27 de janeiro de 2021, edição nº 2722

Continua após a publicidade
Publicidade