Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Memória Por Blog Uma viagem no tempo às décadas passadas por meio de suas histórias, costumes e curiosidades.

E vamos nóóóós com Os Impossíveis

Super-heróis e banda de rock no mesmo pacote

Por Roosevelt Garcia 5 abr 2018, 12h50

Em 1966 os estúdios Hanna-Barbera lançaram uma animação que reunia os principais elementos da cultura pop dos anos 60: rock e super heróis! Nascia aí o trio Os Impossíveis, uma banda de rock de enorme sucesso, com suas guitarras e cabelos modernos, que escondia a verdadeira identidade do trio, os super-heróis Os Impossíveis, dispostos a enfrentar os mais bizarros vilões para garantir a tranquilidade do cidadão comum.

Hanna-Barbera/Divulgação

 

Cada um dos Impossíveis tinha uma especialidade. Dotado de extrema força, o baixinho Coil, o Homem Mola (dublado por Gastão Renné) literalmente segurava as pontas para o trio. Com seus braços e pernas transformados em potentes molas, geralmente barrava algum objeto atirado a eles, ou transpunha obstáculos simplesmente furando-os como uma broca. Homem Fluido (dublado por Older Cazarré – o mesmo de Dom Pixote) tinha o poder de se liquefazer. Esse poder ajudava muito em disfarces, isso quando o vilão não o prendia em uma garrafa ou bebedouro… . Multi-Homem (dublado por Carlos Alberto Vaccari) multiplicava a si mesmo, gerando diversas cópias para confundir o inimigo, ou simplesmente criar uma ponte por onde os outros pudessem passar. Invariavelmente os vilões destruíam as cópias, mas nunca o original.

Durante os 36 episódios da série, o trio, sempre com seu grito de guerra “e vamos nós”, enfrentou os mais estranhos vilões, como o Boneco de Papel, o Esmurrador Azarado, a Madrasta Indócil e o Televisatron. Todos, é claro, eram vencidos no final. Com o dever cumprido, o trio voltava a ser o grupo de rock, que terminava o episódio cantando um de seus sucessos.

Dividindo o programa, temos Frankenstein Jr, um enorme robô construído pelo garoto gênio Bob Conroy para ajudar a humanidade contra vilões e ameaças do espaço.

Hanna-Barbera/Divulgação

 

Um programa completo é composto de dois episódios de Os Impossíveis e um episódio de Frankenstein Jr, além dos bumpers (pequenas vinhetas que intercalam os episódios). Existem dezoito programas diferentes, ou seja, 36 episódios de Os Impossíveis e dezoito episódios de Frankenstein Jr. Até o início dos anos 80, os programas eram exibidos completos, mas depois disso, as emissoras começaram a exibir os episódios de modo avulso, e os bumpers se tornaram raros, tanto que no box de DVD lançado nos Estados Unidos, os bumpers nem estão presentes.

 

Relembre esse grande sucesso do passado:

 

Abertura:

Continua após a publicidade

 

Episódio de Os Impossíveis:

 

Episódio de Frankenstein Júnior:

Bumpers:

  • Continua após a publicidade
    Publicidade