Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Vinho e Algo Mais Por Por Marcelo Copello Especialista na bebida, Marcelo Copello foi colunista de Veja Rio. Sua longa trajetória como escritor do tema inclui publicações como a extinta Gazeta Mercantil e livros, entre eles "Vinho e Algo Mais" e "Os Sabores do Douro e do Minho", pelo qual concorreu ao prêmio Jabuti

Saiba por que a região de Bordeaux é tão importante no mundo do vinho

A área do sudoeste da França dita há séculos um padrão de estilo e preços

Por Marcelo Copello Atualizado em 30 abr 2021, 18h21 - Publicado em 16 abr 2021, 06h00

Bordeaux, na França, é simplesmente a região de vinhos mais importante do mundo. Por sua história, tamanho (cerca de 6 000 châteaux — propriedades vinícolas — produzem mais de 500 milhões de litros por ano) e qualidade de seus rótulos de alta gama, que dominam os leilões de exemplares raros.

O brasileiro adora Bordeaux. Segundo números da consultoria Product Audit, no ano passado o país importou pouco mais de 1 milhão de garrafas dessa região, o que representa 14% das impor­tações de vinhos franceses.

Outros fatores que ajudam a predileção são a excelente distribuição (acha-se facilmente em qualquer esquina do planeta) e as diversas classificações, que apoiam o marketing e a escolha do consumidor, do “bordozinho” do dia a dia ao “bordozão” dos leilões.

 

Veja três dicas:

Château Fourcas Dupré Listrac-Médoc Cru Bourgeois Supérieur 2016
Da sub-região de Listrac-Médoc, elaborado com 46% de cabernet sauvignon, 44% de merlot, 9% de cabernet franc e 1% de petit verdot, passa doze meses em barricas. É da excelente safra de 2016 e tem a classificação de Cru Bourgeois Supérieur, indicativo de bom custo-benefício. Custa R$ 279,00. Onde comprar: amazon.com.br.

Continua após a publicidade

Château Haut-Vigneau Pessac-Léognan AOC 2016
Da sub-região do Pessac-Léognan, no Graves, próximo à cidade de Bordeaux. Da renomada safra de 2016, tem em sua composição 60% de cabernet sauvignon e 40% de merlot. Fica um ano em barricas francesas, 20% delas novas. Custa R$ 249,90,
Onde comprar: evino.com.br.

Les Allées de Cantemerle Haut-Médoc AOC 2014
Da sub-região do Haut-Médoc, segundo vinho do produtor Château Cantemerle. Leva 47% de cabernet sauvignon, 38% de merlot, 9% de cabernet franc e 6% de petit verdot, com estágio de doze meses em barricas francesas. Custa R$ 239,90.
Onde comprar: evino.com.br.

 

Assine a Vejinha a partir de 8,90 mensais

Valeu pela visita! Volte sempre e deixe seu comentário.
Aproveite para curtir minha página no 
Facebook e minhas postagens no Instagram.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade