Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Liquidação e Cia. Por Daniela Giorno A diretora de arte Daniela Giorno dá dicas de compras, promoções, achados e lojas.

Shoestock fecha duas lojas e encerra e-commerce

A Shoestock, rede de lojas conhecida por oferecer calçados e acessórios a preços atraentes, surpreendeu a clientela no fim de julho ao fechar sua filial na Vila Guilherme, na Zona Norte. No mesmo mês, também encerrou a operação em Belo Horizonte, em Minas Gerais. + Doe uma jeans usada e compre uma nova com desconto Há dez dias, […]

Por Sophia Braun Atualizado em 26 fev 2017, 14h46 - Publicado em 14 set 2015, 14h31
(Foto: divulgação)

Shoestock: fim da loja na Zona Norte e do e-commerce (Foto: divulgação)

Shoestock, rede de lojas conhecida por oferecer calçados e acessórios a preços atraentes, surpreendeu a clientela no fim de julho ao fechar sua filial na Vila Guilherme, na Zona Norte. No mesmo mês, também encerrou a operação em Belo Horizonte, em Minas Gerais.

+ Doe uma jeans usada e compre uma nova com desconto

Há dez dias, foi a vez do e-commerce sair do ar. As baixas levantaram dúvidas sobre o futuro da marca. “É verdade que vocês vão fechar?”, pergunta uma seguidora na página da empresa no Facebook. “Que pena. Sempre amei a Shoestock”, lamenta outra cliente.

Segundo a assessoria de imprensa do grupo, as lojas de Moema e Vila Olímpia, ambas na Zona Sul da capital, permanecem com as portas abertas. É provável, porém, que o grande imóvel na Avenida Doutor Cardoso de Melo esteja com os dias contados. Ainda não foi confirmada a data de fechamento da unidade.

[ATUALIZAÇÃO: diferente do informado pela assessoria de imprensa da marca, a loja da Vila Olímpia fechou as portas na terça-feira, 15 de setembro]

Será que a marca vai fechar? Deixe um comentário abaixo. Aproveite também para curtir a página de VEJA SÃO PAULO Bom e Barato no Facebook.

Continua após a publicidade
Publicidade