Blog

Vida boa

Após sofrer bullying da família, maquiadora perde 88 quilos em dez meses

Carolina Mazzoni, de 32 anos, saiu de 150 para 62 quilos em menos de um ano. Nesse tempo, ela viu a magreza (oba!), mas também conheceu os problemas provocados por um emagrecimento sem saúde.  Ela me contou que não deu conta do bullying que sofria da própria família e decidiu fechar a boca. “Uma prima […]

Carolina Mazzoni em janeiro de 2009 (Carolina Mazzoni)

Carolina Mazzoni em janeiro de 2009 (Carolina Mazzoni)

Carolina Mazzoni, de 32 anos, saiu de 150 para 62 quilos em menos de um ano. Nesse tempo, ela viu a magreza (oba!), mas também conheceu os problemas provocados por um emagrecimento sem saúde.  Ela me contou que não deu conta do bullying que sofria da própria família e decidiu fechar a boca. “Uma prima me dizia que tinha vergonha de sair comigo gorda daquele jeito.” Pra perder peso rapidamente, Carol praticamente parou de comer. E depois de um tempo acrescentou mais um ingrediente à sua dieta: bulimia – ou seja, comia e colocava pra fora. “Um horror”, ela disse.

+ Mulher perde 18 quilos ignorando a médica

E por que estou relatando essa história? Porque aqui neste espaço contamos histórias de pessoas que venceram a balança, fizeram as pazes com o espelho e com a autoestima. É uma maneira de motivar. E, sim, porque ela é uma vencedora. Carol se livrou de todas essas coisas ruins, especialmente da doença, depois de quase ir à lona.

A maquiadora em junho de 2010 (Carolina Mazzoni)

A maquiadora em junho de 2010 (Carolina Mazzoni)

Como conseguiu? Ela usava laxantes, passava períodos somente com alface e água. Um belo dia entrou em coma alcóolico ao ingerir apenas 600 mililitros de cerveja. A família percebeu que Carolina estava doente, e não apenas tentando ser magra e feliz.

+ Testei a mahamudra no Parque do Ibirapuera

Após esse episódio, ela fez tratamento com um psicólogo e com um nutricionista. Aprendeu a comer, e se cuidar. Recuperou 15 quilos, incluindo massa muscular – mas tem 15 quilos de pele que sobram em seu corpo.

+ Sete vestidos com efeito emagrecedor

É hoje uma pessoa feliz, que trabalha como contadora e faz freelancer de maquiagem. Caminha meia hora todos os dias e uma hora e meia aos finais de semana. Criou um blog pra alertar as pessoas sobre o tema, chamado Insanidade Balzaquiana. Mas também fala sobre coisas da vida.

+ Muito treino deixa a mulher masculinizada?

Quando Carolina me procurou, por e-mail, quis contar sua história porque achava importante alertar sobre o perigo que as pessoas correm. “Claro que hoje reconheço que foi um erro, mas quando você está obesa, infeliz e sofrendo todo o tipo de preconceito, você não consegue ter esse discernimento”, disse. “Estou feliz e saudável, uma pena que eu tenha tido que aprender pelo caminho mais difícil. Não façam isso”, foi o recado que ela quis passar. Siga firme, Carol.

Carolina Mazzoni em março de 2015 (Carolina Mazzoni)

Carolina Mazzoni em março de 2015 (Carolina Mazzoni)

Em tempo:

O Instragram da Carolina é: @cacaumazzoni

Se você quiser me seguir, meu Instaram é @canseidesergorda_

E temos também uma página no Facebook Cansei de Ser Gorda.

Se você quer me contar sua história, escreve pra mim chrismartinez@butiquedeletras.com.br (eu repondo todos os e-mails, mas, calma, é no tempo que dá). E não me venha com maldades porque sou do bem.

Um beijo, até mais!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s