Dirceu Alves Jr.

Na Plateia

Tudo sobre teatro

Eva Wilma e Suely Franco: fôlego em “Quarta-Feira, sem Falta, Lá em Casa”

As atrizes, com trânsito reconhecido pelo drama e pela comédia, são os trunfos do diretor Alexandre Reinecke na comédia em cartaz no Teatro Porto Seguro

Eva Wilma e Suely Franco, duas atrizes com trânsito reconhecido pelo drama e pela comédia, são os trunfos do diretor Alexandre Reinecke em Quarta-Feira, sem Falta, Lá em Casa. O texto de Mário Brasini, montado na década de 70 por Eva Todor e Henriette Morineau e nos anos 2000 por Beatriz Segall e Miriam Pires (substituída por Nicette Bruno na temporada), encontra sustentação no fôlego das artistas, que abraçam os diálogos sobre afeto e hipocrisia.

+ Herson Capri e Genézio de Barros em “As Brasas”.

Alcina (papel de Eva), aos olhos do mundo, levou a vida como manda o figurino. De família tradicional, ela se casou, teve filhos e netos, chegando à velhice cheia de moral para criticar tudo o que lhe desagrada. Laura (representada por Suely), ao contrário, escolheu a liberdade, não se casou e faz o que bem entende no seu cotidiano. Diferenças à parte, a dupla se reúne toda semana para um chá e, entre alfinetadas e saudosismos, brinda a intimidade. Uma revelação de Laura, porém, põe em xeque a amizade e leva as duas a rever o valor do afeto.

+ Marília Gabriela se encontra em “Casa de Bonecas – Parte 2”. 

Reinecke enaltece o jogo estabelecido por duas intérpretes experientes diante de um texto que, apesar de uma virada folhetinesca, pouco surpreende no formato. O diretor, confiante, deixa as protagonistas tão à vontade que, por vezes, a peça parece um bate-papo naturalmente transposto para o palco. Eva constrói Alcina com uma boa dose de perplexidade, que se torna fundamental na compreensão de sua personalidade não muito firme. Despachada e irônica, Suely tira proveito da veia de comediante e ganha a cumplicidade do público, transformando Laura em uma justiceira diante das falhas da amiga (70min). 12 anos. Estreou em 5/10/2018.

+ Teatro Porto Seguro. Alameda Barão de Piracicaba, 740, Campos Elíseos. Sexta e sábado, 21h; domingo, 19h. R$ 70,00 e R$ 90,00. Até 25 de novembro.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s