Um food truck com receitas de restaurante

Os paulistanos conheceram a proposta dos food trucks para valer quando o chef Andre Mifano, do Vito, saiu pela cidade comandando uma cozinha sobre quatro rodas. De outubro a dezembro, ele circulou por bairros como Vila Madalena e Consolação servindo pratos a preços entre R$ 15,00 e R$ 30,00. + Rolando Massinha lança Doguinho, Churrinho e […]

(Foto: divulgação)

Os sócios Márcio (à esq.) e Jorge: restaurante sobre quatro rodas (Foto: divulgação)

Os paulistanos conheceram a proposta dos food trucks para valer quando o chef Andre Mifano, do Vito, saiu pela cidade comandando uma cozinha sobre quatro rodas. De outubro a dezembro, ele circulou por bairros como Vila Madalena e Consolação servindo pratos a preços entre R$ 15,00 e R$ 30,00.

+ Rolando Massinha lança Doguinho, Churrinho e até Kebabinho

Há cerca de três meses, um outro furgão passou a circular pelas ruas da capital. Idealizado pelos chefs Márcio Silva, proprietário do extinto Oryza, e Jorge Gonzalez, o Buzina Food Truck estaciona em diferentes pontos ao longo de cada semana. Para saber onde o caminhão estará, é preciso acessar a página do negócio no Facebook (clique para abrir). O cardápio também é rotativo. Há pelo menos seis opções salgadas diariamente, todas elas preparadas pela dupla em uma cozinha de apoio no Brooklin e finalizadas na hora. “A ideia é oferecer a praticidade e o preço de fast-food com qualidade de restaurante”, diz Silva.

(Foto: Sophia Braun)

Buzina burger: recheado de batata frita e linguiça ibérica (Foto: Sophia Braun)

Na prática, é exatamente isso o que ocorre. Os clientes formam uma fila ao lado do veículo, fazem o pedido, pagam a conta e aguardam a comida ficar pronta. Em menos de cinco minutos um funcionário chama a pessoa pelo nome e entrega o prato. Pude comprovar o serviço na sexta (21/02/2014), quando a van repousou por algumas horas na Rua Oscar Freire, nos Jardins.

Embalada por música animada, minha refeição começou com a salada de abóbora assada, queijo de cabra e amêndoas “currymelizadas”, na terminologia dos sócios. A adição de vinagrete de pimenta-de-cheiro confere um sabor levemente picante à combinação (R$ 15,00). Em seguida, provei o chamado nudi de ricota ao molho de tomate fresco mais queijo parmesão (R$ 18,00), que lembra um nhoque delicado, e também o buzina burger (R$ 19,00), recheado de batata frita e uma espécie de maionese com linguiça ibérica muito saborosa. O pão chegou tostadinho, como se deve, mas a carne estava muito passada para o meu paladar.

Na sobremesa, peça o arroz doce com calda de caramelo (R$ 5,00), uma guloseima que Silva trouxe do cardápio do Oryza. Para beber, há refrigerantes, água, suco de uva e cerveja (Heineken). Aceita pagamentos em dinheiro ou cartão de débito.

S.B.

VEJA TAMBÉM:

+ Mais dicas de lugares bacanas para comer hoje

+ Uma porção de tapioca recheada de queijo puxa-puxa

+ Feirinha Gastronômica da Praça Benedito Calixto completa um ano

+ Happy hour no Itaim tem chope Heineken a R$ 3,50 e bons petiscos

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s