Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Silas Colombo - Direto de Itaquera Por Blog Há um mês morando ao lado do Itaquerão , o repórter Silas Colombo traz direto da fonte as histórias, novidades e a expectativa do bairro que será centro do mundo - ou pelo menos do mundo do futebol – durante a Copa.

Itaquerão terá outro jogo-teste antes da Copa

Para alegria do Sr. Gilberto, dono do Boteco do Bigode, que fica próximo à Estação Artur Alvim do metrô – e que secou o estoque de cerveja no primeiro jogo do Corinthians na nova casa -, o Itaquerão vai receber mais uma partida-teste antes da abertura da Copa do Mundo. Após um primeiro experimento considerado […]

Por Silas Colombo Atualizado em 26 fev 2017, 21h57 - Publicado em 20 Maio 2014, 13h39
Jogo contra o Figueirense reuniu 37 000 torcedores

Jogo contra o Figueirense reuniu 37 000 torcedores

Para alegria do Sr. Gilberto, dono do Boteco do Bigode, que fica próximo à Estação Artur Alvim do metrô – e que secou o estoque de cerveja no primeiro jogo do Corinthians na nova casa -, o Itaquerão vai receber mais uma partida-teste antes da abertura da Copa do Mundo. Após um primeiro experimento considerado “bem-sucedido” pela Fifa e pelo Comitê Organizador Local (COL). A pedido da entidade máxima do futebol, o jogo entre Corinthians e Cruzeiro, que aconteceria no Canindé, será na arena de Itaquera no dia 29 de maio, uma quinta-feira, às 16h.

#gallery-2 {
margin: auto;
}
#gallery-2 .gallery-item {
float: left;
margin-top: 10px;
text-align: center;
width: 33%;
}
#gallery-2 img {
border: 2px solid #cfcfcf;
}
#gallery-2 .gallery-caption {
margin-left: 0;
}
/* see gallery_shortcode() in wp-includes/media.php */

A ideia é testar o estádio com capacidade máxima e colocar os corintianos para pular nas arquibancadas provisórias e ver se aguentam o impacto do primeiro gol do timão (se acontecer).

Outra exigência da Fifa foi para que a partida acontecesse à tarde, e não à noite (como seria normalmente no meio da semana), para que o acesso ao estádio pudesse ser testado novamente. No jogo entre Corinthians e Figueirense, houve muitas reclamações quanto à chegada à Arena Corinthians para os que optaram por ir de carro e não utilizaram o transporte público.

Os acessos aos bairros da região, mesmo para quem não estava nem ai para o jogo, foi bastante prejudicado. “Fecharam a entrada da Radial Leste que dava na rua da minha casa e demorei uma hora no trânsito para achar um retorno”, conta Guilherme Almeida. Os marronzinhos da CET consultados pela reportagem não sabiam informar outras opções de caminhos.

 

Continua após a publicidade
Publicidade