Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Cine Vejinha Por Blog Tudo sobre cinema, estreias e os melhores filmes

“Cowboys & Aliens”: você já conhece essa história

Velho Oeste americano. Um forasteiro desmemoriado (interpretado por Daniel Craig) vai parar em uma inóspita cidade, onde bate de frente com um coronel (o veterano Harrison Ford). Embora sejam rivais, os dois terão de se unir aos índios Apaches para deter uma ameaça extraterrestre que abduziu todo o vilarejo. Exceto pelos caubóis, não estranhe se […]

Por VEJASP Atualizado em 27 fev 2017, 13h03 - Publicado em 8 set 2011, 21h29

Cena de “Cowboys & Aliens” de Jon Favreau

Velho Oeste americano. Um forasteiro desmemoriado (interpretado por Daniel Craig) vai parar em uma inóspita cidade, onde bate de frente com um coronel (o veterano Harrison Ford). Embora sejam rivais, os dois terão de se unir aos índios Apaches para deter uma ameaça extraterrestre que abduziu todo o vilarejo. Exceto pelos caubóis, não estranhe se você achar que já viu essa história antes: filmes de alienígenas não são nenhuma novidade. Em “Cowboys & Aliens” (EUA, 2011, 118min), principal estreia desta sexta-feira (9), a única novidade foi juntar ficção científica e faroeste no mesmo prato. Hollywood já criou todo tipo de ser extraterrestre: bonzinhos como o protagonista de “E.T. – o Extraterrestre” (1982), de Steven Spielberg, e malvados como os vilões de “Invasão do Mundo: A Batalha de Los Angeles” (2011), de Jonathan Liebesman. Com tanta referência anterior, “Cowboys & Aliens” se apropria de vários elementos de outros filmes (veja abaixo). Alguns se tornaram clássicos do cinema.

“Invasores de Corpos” (1956)

Também conhecido no Brasil como “Vampiros de Almas”, esse é um clássico filme de ficção científica, que ganhou três refilmagens – a última, de 2007, com Nicole Kidman e Daniel Craig pré-James Bond. Na história, um médico começa a investigar pacientes que de uma hora para outra passam a agir estranhamente. O que ele não sabe é que está diante de alienígenas que invadem corpos humanos. 

Contatos Imediatos do Terceiro Grau” (1977)

Depois de um encontro com um OVNI, um homem comum (numa bela interpretação de Richard Dreyfuss) vê sua vida ser virada de ponta-cabeça. Diferente da maioria de filmes de alienígenas, nesta obra-prima, com a grife Steven Spielberg, os alienígenas são pacíficos e querem ajudar a raça humana. No elenco, ninguém menos que o célebre François Truffaut, numa rara participação como ator.  Spielberg ainda repetiria a dose em “E.T.  – o Extraterrestre”, de 1981.

Cena de “Contatos Imediatos de Terceiro Grau” (1977): Um clássico de Spielberg

  “Alien – o 8º Passageiro” (1979)

Este outro clássico alienígena apresentou Ridley Scott ao mundo como um diretor promissor. O sucesso fez com o que filme ganhasse continuações, sem a mesma qualidade do original que abocanhou dois Oscar: Melhores Efeitos Visuais e Direção de Arte. O ET que persegue a heroína Ripley (papel de Sigourney Weaver) foi criado pelo artista plástico H. R. Giger e é um dos mais horripilantes do cinema. Recentemente, a Fox anunciou um novo filme, que explicaria a origem da saga. O longa está em fase de produção.

“Cocoon” (1985)

Como em “Contatos Imediatos”, esses ETs são do bem. Aqui, um grupo de extraterrestres vêm à Terra resgatar casulos escondidos em uma piscina. A surpresa fica por conta de um grupo de velhinhos que resolve utilizar a tal piscina para se divertir. Com a água energizada, os idosos passam a se sentir mais jovens e decidem ajudar os alienígenas a levarem seus filhos de volta para casa. A fábula dirigida por Ron Howard, notável por filmes fofinhos, levou o Oscar de Melhores Efeitos Especiais e o Globo de Ouro na categoria Comédia/Musical.

“O Segredo do Abismo” (1989)

Como nos mais recentes “Titanic” e “Avatar”, James Cameron também causou uma pequena revolução nos efeitos visuais com essa produção. Diferente dos demais filmes, aqui os alienígenas não vêm do espaço, mas sim do fundo do mar. Eles são encontrados depois que uma equipe de resgate recebe a missão de salvar a tripulação de um submarino nuclear que sofreu um acidente. 

Continua após a publicidade

“Intruders” (1992)

Filme modesto, produzido para a televisão (chegou a ser indicado ao Emmy) e com um grande mérito: ajudou a cristalizar no imaginário popular a figura do alienígena pequeno, de cabeça grande e oval, com grandes olhos. A fita apresenta os casos de duas pessoas que, abduzidas e utilizadas em experimentos médicos alienígenas, buscam viver uma vida normal, mas continuam sendo visitadas pelos extraterrestres. Uma das histórias mais assustadoras do gênero.

 “Stargate” (1994)

Nesse filme, arqueólogos e militares descobrem no Egito um portal espacial, que permite viajar para outros planetas. Ao chegar em um outro mundo, o grupo de humanos é capturado com uma arma nuclear a tiracolo. Eles então têm de escapar dos ETs malvados, livrar a ogiva das mãos inimigas e salvar a Terra que, como de praxe, já caiu nas garras dos extraterrestres. No papel do rei Ra, que lidera a raça de aliens, está o ator andrógino Jaye Davidson, que ganhou fama com “Traídos pelo Desejo” (1992), de Neil Jordan.

“Independence Day” (1996)

Um filme B com efeitos especiais muito impressionantes para a sua época. As cenas de destruição de ícones norte-americanos hoje geram algum constrangimento, após os atentados do 11 de Setembro. Na trama, os ETs, mais malvados do que nunca, pretendem dominar a Terra e roubar todos seus recursos naturais. Bill Pullman, Jeff Goldblum e Will Smith encabeçam essa produção com um final que beira o ridículo.  

“Independence Day” (1996): Will Smith e Jeff Goldblum precisam salvar o mundo dos alienígenas

“Guerra dos Mundos” (2005)

O livro de H.G. Wells gerou muitas adaptações para o cinema: a primeira data de 1953 e serviu de inspiração para a sátira “Marte Ataca!” (1996), de Tim Burton. Em 2005, Spielberg (ele, de novo!) decidiu refilmar o original com Tom Cruise no papel principal. O astro interpreta um médico que precisa salvar os filhos de uma enfurecida invasão alienígena. 

“Super 8″ (2011)

Fã confesso de Steven Spielberg, J. J. Abrams fez uma verdadeira homenagem ao diretor. Um grupo de adolescentes presencia o descarrilamento de um trem enquanto faz um filme amador. O acidente desencadeia uma série de acontecimentos estranhos na cidade onde os pequenos vivem. Ao longo do filme, o grupo descobre que, por trás de tantos mistérios, está um ser alienígena.

J. J. Abrams homenageia Steven Spielberg em “Super 8”

Continua após a publicidade
Publicidade