Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Bichos Tudo sobre o mundo pet

Luisa Mell dá sermão em Larissa Manoela após atriz doar cadela adotada

A artista adotou uma vira-lata do instituto da ativista, mas alegou falta de tempo para cuidar do animal

Por Redação VEJA São Paulo 2 dez 2020, 20h06

Luisa Mell foi às redes sociais nesta quarta-feira (2) para demonstrar insatisfação com a Larissa Manoela. A jovem atriz doou uma cachorra que havia sido adotada no Instituto Luisa Mell. De acordo com a assessoria de Larissa, ela não tinha tempo para cuidar do animal.

“Confesso que fiquei muito triste quando vi a notícia na internet e com a resposta da assessoria da @larissamanoela que alegou que, por compromissos profissionais, a Larissa não tinha tempo de cuidar da Vitoria. Mas fiquei mais triste ainda por saber que ela tem outros cães, todos de raça e apenas a vira-latas Vitoria foi doada”, disse Luisa. 

A ativista continuou dizendo que a artista deveria dar exemplo. “Adotar um cãozinho deve ser sempre um ato de amor. Uma vida não pode ser tratada como um objeto. Cães, gatos e outros animais criam laços de amor, se apegam e se acostumam com o ambiente em que vivem. Vitoria já tinha uma história de abandono, de negligência antes da adoção. Passou anos com a Larissa e agora, terá que recomeçar. Estou com o coração em pedaços”, disse.

View this post on Instagram

A post shared by Luisa mell (@luisamell)

“Dizem que na juventude aprendemos, mas apenas na maturidade compreendemos. @larissamanoela, de coração, admiro sua história, sua garra e conquistas merecidas, mas espero que em breve, você compreenda o que essa atitude representa e o exemplo que você pode ter dado aos seus fãs que, como você, estão aprendendo na juventude. Caso a Vitoria precise de qualquer assistência, como qualquer um de nossos adotados, conte com o @institutoluisamell. Realmente uma pena que isso tenha terminado dessa forma para a Vitoria. Meu compromisso sempre será com os animais.”, encerrou. 

A assessoria de Larissa Manoela disse que ela e o bichinho “matam as saudades por meio de ligações de vídeo”, como ela faz também com outros cachorros. 

Continua após a publicidade
Publicidade