Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês
Bichos Tudo sobre o mundo pet por Veja São Paulo. Quer sugerir uma pauta? Envie para alice.padilha@abril.com.br

Cadela que ajudou nos resgates em Brumadinho morre aos 12 anos

"Nos emprestou com amor e lealdade a habilidade de farejar a vida. E foram muitas", diz homenagem dos bombeiros em rede social

Por Redação VEJA São Paulo Atualizado em 10 jan 2021, 19h40 - Publicado em 10 jan 2021, 19h37

A cadela Bala, que colaborou com as equipes de resgate nas tragédias de Brumadinho e de Mariana e também em enchentes, morreu na sexta (8) aos 12 anos. Especializada em missões de salvamento, o cão da racha pastor alemão era do Corpo de Bombeiros do Espírito Santo, que fez uma homenagem a ela nas redes sociais da corporação.

Cadela era do Corpo de Bombeiros do ES e atuou em buscas nas tragédias de Brumadinho e Mariana — Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros

 

“Com um currículo repleto de buscas e salvamentos, ajudou a tornar o CBMES [corpo de bombeiros do Espírito Santo] em uma referência nacional na atividade. Nos emprestou com amor e lealdade a habilidade de farejar a vida. E foram muitas”, diz a postagem do Corpo de Bombeiros, que informou que Bala morreu de causas naturais.

Publicidade