Clique e assine por apenas 6,90/mês
Arte ao Redor Tatiane de Assis é repórter da Veja SP. Acredita que as artes visuais podem aproximar pessoas e descortinar novas facetas da vida.

Museu do Ipiranga e Wikipedia oferecem prêmio de R$ 2 500

Primeiro colocado da maratona cultural on-line para criação de verbetes ganhará a quantia em vale-presente

Por Tatiane de Assis - Atualizado em 24 mar 2020, 16h39 - Publicado em 24 mar 2020, 15h04

O Museu do Ipiranga em parceria com a Wikipedia, realiza nesta sexta (27) uma maratona on-line para a criação de verbetes sobre o acervo da instituição na enciclopédia colaborativa e virtual. Nessa edição, o tema da atividade é Mulher, Arte e História e tem como matéria-prima obras de artistas mulheres brasileiras e estrangeiras pertencentes à coleção.

Como participar? Primeiro, se inscreva por este link. Depois o Wiki Movimento Brasil, que é o grupo da Wikipedia à frente dessa atividade, disponibilizará o link para acesso a uma plataforma virtual por meio desse endereço. Lá, os participantes terão orientações gerais e serão apresentados com mais detalhes à iniciativa.

Tarefas e prêmios

As tarefas dos “maratoneiros” será melhorar e criar verbetes acerca do Museu do Ipiranga, os quais já foram listados. Cada tipo de ação terá uma pontuação específica, que será repassada aos participantes.

A premiação que abarca os cinco primeiros lugares, que recebem de R$ 500 a R$ 2 500, sob forma de vale-presente. Os dez primeiros colocados, residentes no Brasil, também ganharão uma camiseta do concurso.

Continua após a publicidade

Atenção: o valor será dado ao participante que tiver mais pontos nessa e em outras atividades que podem ser conferidas aqui. Além da inscrição da atividade Mulher, Arte e História, é preciso se inscrever no evento do concurso, por meio desse link

Reabertura

O Museu do Ipiranga está fechado à visitação pública desde 2013. O governador do Estado, João Doria, anunciou em maio de 2019 que a previsão para reabertura da instituição é janeiro de 2022. A expectativa de público, por sua vez, é de 900 000 pessoas em seu primeiro ano de funcionamento, número pouco expressivo para um museu desse porte. Em 2019, para termos de comparação, o Masp recebeu mais de 400 000 visitantes na exposição Tarsila Popular.

+ OUÇA O PODCAST #SPsonha

Publicidade