Clique e assine por apenas 6,90/mês
Arte ao Redor Tatiane de Assis é repórter da Veja SP. Acredita que as artes visuais podem aproximar pessoas e descortinar novas facetas da vida.

No Minhocão, artista cria mural de 45 metros de altura com “deusa moderna”

Obra da grafiteira paulistana Hanna Lucatelli deve ser finalizada nesta sexta (22)

Por Tatiane de Assis - 22 Mar 2019, 17h50

A grafiteira paulistana Hanna Lucatelli trabalha desde a última sexta (15) em um mural na empena do Edifício Estado, na Rua General Olímpio da Silveira, número 426, em Santa Cecília. O trabalho, com aproximadamente 45 metros de altura e 8 de largura, traz uma mulher com uma coroa estilizada, formada por retângulos esguios.

“No meu trabalho, as mulheres são uma metáfora visual para o sagrado feminino, que pode ser lido também com um olhar mais profundo para a comunidade e para o corpo”, explica a artista. A questão da violência também se mostra uma preocupação, já que no tronco da personagem aparece a palavra “coragem”. “Muitas vezes, nos sentimos inseguras na rua. Crio, então, essas mulheres-deusas para quebrar a cultura do medo, para que possamos nos reconectar e ocupar o espaço.”

Hanna dedicou de cinco a doze horas por dia à empreitada, algumas vezes com ajuda de assistentes. A previsão para finalização do mural, no qual foram gastos 1 000 litros de tinta látex e dez latas de spray, é nesta sexta (22).

A produção da obra custou 40 000 reais, valor bancado por uma empresa do ramo de remédios. A 750 metros do novo gigante do Minhocão, está o retrato de Nelson Mandela, pintado pelos artistas Diogo Mouro e Criola.

Publicidade