Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Arte ao Redor Tatiane de Assis é repórter da Veja SP. Acredita que as artes visuais podem aproximar pessoas e descortinar novas facetas da vida.

Interdições sociais são abordadas na mostra de No Martins

Exposições com onze pinturas abre no sábado (3) na Baró Galeria

Por Tatiane de Assis Atualizado em 2 ago 2019, 16h28 - Publicado em 2 ago 2019, 16h19

Ao som do trompetista americano Christian Scott, o artista No Martins produziu as onze obras que exibe na Baró Galeria, na mostra Campo Minado, a partir deste sábado (3). Na pintura homônima (acima; 2019), ele revisita as abordagens policiais de que foi alvo ao longo da vida. O número 13 visto no canto da obra faz referência à idade que Martins tinha quando sofreu o primeiro “enquadro”. Também estão lá elementos como câmera e fita zebrada. “Falo de símbolos sociais que impedem a passagem de pessoas que não atendem aos padrões. Não é só sobre mim”, diz Martins. Baró Galeria. Rua da Consolação, 3417, Cerqueira César, ☎ 3661-9770. Terça a sexta, 10h às 19h; sábado, 11h às 19h. Grátis. Até 14 de setembro. A partir deste sábado (3).

Publicidade