Clique e assine por apenas 5,90/mês
Arte ao Redor Tatiane de Assis é repórter da Veja SP. Acredita que as artes visuais podem aproximar pessoas e descortinar novas facetas da vida.

Igi Ayedun planeja abrir galeria na Vila Madalena no pós-quarentena

“Buscamos trabalhos que trazem em suas narrativas, mesmo que inconscientemente, a essência latino-americana, indígena, negra e asiática”, afirma a artista

Por Tatiane de Assis - Atualizado em 25 jun 2020, 17h37 - Publicado em 26 jun 2020, 06h00

A artista Igi Ayedun, de 30 anos, planeja a abertura da galeria-residência Hoa Tour, em um imóvel com quatro pisos, na Rua Rifaina, na Vila Madalena. “Buscamos trabalhos que trazem em suas narrativas, mesmo que inconscientemente, a essência latino-americana, indígena, negra e asiática”, afirma a paulistana, que tem como artistas representados o mineiro Davi de Jesus e o designer Rodrigo de Almeida.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

Igi aposta também no fomento da cena cultural: “A Hoa ficará com 40% do valor da comercialização das obras, que será usado na manutenção do espaço e no apoio a artistas em vulnerabilidade social, os 60% restantes irão para o artista que teve seu trabalho vendido”.

Publicado em VEJA SÃO PAULO de 1º de julho de 2020, edição nº 2693. 

Continua após a publicidade
Publicidade