Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Arte ao Redor Tatiane de Assis é repórter da Veja SP. Acredita que as artes visuais podem aproximar pessoas e descortinar novas facetas da vida.

Itaú Cultural realiza palestras gratuitas sobre história da arte

Atividade começa no dia 4 de maio e conta com doze encontros

Por Tatiane de Assis 29 abr 2020, 20h11

Devido à grande procura, o curso Um Possível Olhar sobre a Produção em Artes Visuais no Brasil, promovido pelo Itaú Cultural, se tornou um ciclo de palestras gratuitas, que podem ser acessadas no site do instituto, sem a realização de inscrição. A atividade, com início na próxima segunda (4), conta com doze encontros, de 90 minutos cada, realizados às segundas e terças, das 19h às 20h30. O encerramento é em 9 de junho.

View this post on Instagram

Os nossos detalhes sendo refletidos em nossos vizinhos. Adoramos o clique, @kqf78!⠀ ⠀ #PraCegoVer: Foto de parte do prédio do Itaú Cultural ao lado do prédio do @sescavpaulista. Ao fundo há o céu azul.

A post shared by Itaú Cultural (@itaucultural) on

Ministrado pelo pesquisador e professor Marcos Moraes, coordenador do curso de Artes Visuais e da residência artística da FAAP (Fundação Armando Álvares Penteado), o ciclo de palestras abordará o impacto da colonização na produção brasileira, bem como personagens importantes, como Aleijadinho (1738- 1814) e Anitta Malfatti (1889-1964).

Assine a Vejinha a partir de 6,90 mensais

Confira a programação:

Conteúdo do curso do Itaú Cultural

1. Colonização e apagamento: relações da arte europeia e a arte originária do Brasil

2. Os barrocos brasileiros, ou no Brasil e a arte afrodiaspórica

3. O Brasil dos viajantes: expedições artísticas, científicas e exploratórias

Continua após a publicidade

4. Aleijadinho e a interrupção de uma arte nacional. Academia Imperial de Belas Artes: da Missão Artística Francesa

5. Já éramos modernos, ou outras visões da produção acadêmica no Brasil do século XIX

6. De Anita à antropofagia: modernismo e a procura por identidade

7. Arte e sociedade e os operários da modernidade

8. Museus, a Bienal de São Paulo e a linguagem abstrata. Concretismo, neoconcretismo

9. Novas figurações, pop e nova objetividade

10. Arte conceitual, performance e os esgarçamentos das linguagens, dos meios e dos suportes

11. Como vai você, geração 80? E os anos 1990?

12. A produção contemporânea: esgarçamento de fronteiras geopolíticas, deslocamentos, trocas e decolonização.

 

Curso  Um Possível Olhar sobre a Produção em Artes Visuais no Brasil

itaucultural.org.br. Segunda e terça, 19h às 20h30. Classificação indicativa livre. De 4 de maio a 9 de junho. Grátis.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade