Clique e assine por apenas 5,90/mês
Arte ao Redor Tatiane de Assis é repórter da Veja SP. Acredita que as artes visuais podem aproximar pessoas e descortinar novas facetas da vida.

Mais de 60 exposições para ver em 2020 em São Paulo

Veja o calendário com mostras, ofertadas por museus e galerias na capital paulista, de janeiro a dezembro

Por Tatiane de Assis - Atualizado em 5 fev 2020, 13h36 - Publicado em 19 dez 2019, 16h26

Os paulistanos terão no próximo ano um calendário de exposições agitado. A principal mostra de 2020 é a Bienal de São Paulo, que sob o comando do curador italiano Jacopo Crivelli e do curador brasileiro Paulo Miyada assumirá um formato dilatado, com exposições que começam já em fevereiro. Contudo, a grande coletiva, esperada pelos visitantes daqui e dos outros estados do Brasil, continua a ser em setembro.

Entre a programação ofertada pelos principais museus da cidade, se destacam as mostras d’OSGEMEOS, na Pinacoteca, do francês Edgar Degas (1834-1917) e da brasileira Beatriz Milhazes, no Masp, além de Um Maravilhoso Emaranhado, instalação imersiva de Isaac Julien sobre Lina Bo Bardi, a ser apresentada no Sesc Pompeia. Há também na lista, construída pelo Arte Ao Redor, performances e uma instalação. Confira a seleção abaixo e programe-se.

JANEIRO

FEVEREIRO

MARÇO

ABRIL

MAIO

JUNHO

  • Exposição Histórias da Dança no Masp
  • Mostra A Magia do Manuscrito no Sesc Vila Mariana
  • Exposição com obras de John Graz, Antônio e Regina Gomide no MAM

JULHO

  • Reabertura da exposição de longa duração do acervo na Pinacoteca e mostra Arte Contemporânea Indígena, também na instituição
  • Mostra de Juan Araujo na galeria Luisa Strina
  • Exposição individual de Deana Lawson dentro da 34ª Bienal de São Paulo

AGOSTO

SETEMBRO

OUTUBRO

NOVEMBRO

DEZEMBRO

+ OUÇA O PODCAST #SPsonha

Continua após a publicidade

  

Continua após a publicidade
Publicidade