Clique e assine por apenas 6,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 27 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações de estabelecimentos. Além das atividades na Vejinha, leciona na Universidade Mackenzie

Obá tem apenas receitas autênticas da Tailândia; confira minha crítica

O cardápio foi desenvolvido pelo chef Maurício Santi, especialista em pratos do Sudeste Asiático

Por Arnaldo Lorençato - Atualizado em 15 Jun 2018, 11h27 - Publicado em 15 Jun 2018, 07h00

Quando comprou o Obá, em dezembro, Milton Freitas garantiu que nada mudaria no restaurante variado, aberto treze anos atrás. Conviviam no menu as bandeiras do Brasil, da Tailândia, da Itália e do México, país de nascimento do fundador e ex-proprietário Hugo Delgado. A promessa não foi cumprida pelo novo dono. Não só o cardápio está reformulado, mas também o nome da casa. No Obá Mamuang Thai House é possível provar receitas introduzidas pelo chef Maurício Abdalla Thomaz, cujo sobrenome de batismo informal tailandês é Santi.

O cozinheiro, nascido em Mogi das Cruzes, morou mais de uma década fora do país e ficou durante um ano no Nahm, do renomado David Thompson, o melhor restaurante que conheci em Bangcoc anos atrás.

Para paladar de dragão: peixe ao curry vermelho na folha de bananeira e arroz de jasmim. Clayton Vieira/Veja SP

Sim, as sugestões do chef têm o ácido, o doce, o amargo, mas é no picante que elas ganham força. Pode-se começar a expedição ardida pela salada de berinjela defumada coberta por gema, hortelã e coentro (R$ 20,00), comum no Sudeste Asiático. O peito bovino fatiado chega com um molho tão intenso que faz transpirar. Custa R$ 28,00.

Outra pedida para paladar de dragão, o peixe ao curry vermelho na folha de bananeira (R$ 89,00) recebe a providencial companhia de arroz de jasmim. Mais suave, a bochecha de porco laminada (R$ 24,00) ganha um refrescante molho suave agridoce de tamarindo.

Continua após a publicidade
Tom kha gai: uma sopa de frango no leite de coco e folhas de limão kaffir Clayton Vieira/Veja SP

Quem não curte temperos quentes pode se fartar com o bolinho empanado de carne de porco junto de salada sem pimenta (R$ 26,00) e o tom kha gai (R$ 42,00), sopa de frango no leite de coco e folhas de limão kaffir, de pegada mais ácida. Bolinhos de arroz recheados de cocada (R$ 28,00) fazem as vezes de sobremesa.

Avaliação: BOM (três estrelas)

Clique para conferir o cardápio:

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade

Obrigado pela visita. Aproveite para deixar seu comentário, sempre bem-vindo, e curtir a minha página no Facebook. Também é possível receber as novidades pelo Twitter e seguir minhas postagens no Instagram.

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Publicidade