Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 29 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

José Avillez interrompe atividades de todos seus restaurantes em Portugal

Por conta do avanço da Covid-19, o ex-jurado do programa Mestre do Sabor não vai mais oferecer serviços de delivery ou retiradas em suas casas

Por Arnaldo Lorençato Atualizado em 21 jan 2021, 20h01 - Publicado em 21 jan 2021, 19h36

Um dos chefs lusitanos mais famosos do mundo, José Avillez dediciu, junto com os sócios investidores, interromper as atividades de todos seus restaurantes em Portugal a partir desta quinta (21), para os serviços de delivery e retiradas.

Desde o dia 15, o país vive um novo confinamento (ou lockdown), e o comércio não essencial deve permanecer fechado. Aos restaurantes, está permitido vender apenas comida para viagem. A Covid-19 avança com força por lá — desde março, somam-se 595 149 casos confirmados e quase 10 000 mortes.

Avillez ficou muito conhecido no Brasil por sua participação como um dos jurados do programa Mestre do Sabor, produzido pela Globo por dois anos consecutivos. Em março de 2020, o cozinheiro precisou abandonar as gravações da segunda temporada do reality para retornar à Lisboa por conta do agravamento da pandemia. No lugar dele, entrou Rafa Costa e Silva, do carioca Lasai.

Time do mentores: Leo Paixão, Kátia Barbosa e Rafael Costa e Silva que substituiu José Avillez, de preto
Time do mentores: Leo Paixão, Kátia Barbosa e Rafael Costa e Silva que substituiu José Avillez, de preto Camila Maia/Globo/Divulgação

O cozinheiro luso tem participações em endereços como o refinado Belcanto, o Cantinho do Avillez e o Bairro do Avillez, um complexo gastronômico em Lisboa que tive o prazer de conhecer em 2018 a convite do Turismo de Portugal na companhia do meu colega Saulo Yassuda. Também assistimos à premiação do Guia Michelin para a Península Ibérica, que rolou na capital portuguesa. Acreditava-se que o Belcanto ganharia sua terceira estrela na ocasião e seria o primeiro do país a ter essa conquista. Não se confirmou.

Bairro do Avillez
Bairro do Avillez, em Lisboa: nem delivery nem sistema de retiradas Reprodução Instagram/Divulgação

Em nota, o Grupo José Avillez ponderou que “se vários clientes precisarem do nosso apoio com refeições durante este tempo de confinamento, poderemos equacionar uma abertura parcial”. A empresa reconhece que esse é um dos momentos mais difíceis que já passaram e que esperam retornar em breve. Desde março, a companhia fechou definitivamente seis restaurantes em Portugal.

Colaborou Saulo Yassuda

 

Continua após a publicidade

View this post on Instagram

A post shared by Bairro do Avillez (@bairrodoavillez)

 

Continua após a publicidade

Assine a Vejinha a partir de 6,90 mensais

Continua após a publicidade
Publicidade