Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 29 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Conversa em torno do vinho com Tiago Locatelli

Hoje (20), estarei ao lado de Tiago Locatelli, na Equipotel, para a segunda rodada de conversas sobre minha bebida favorita, o vinho. No nosso encontro, a partir das 18h30, o sommelier explica porque a França se tornou o país mais admirado no universo do vinho e, ao mesmo tempo, o mais copiado e com rivais […]

Por Arnaldo Lorençato Atualizado em 26 fev 2017, 10h06 - Publicado em 20 set 2016, 17h39
Locatelli: de garoto prodígio do vinho a sommelier premiado por VEJA COMER & BEBER (Foto:

Locatelli: de garoto prodígio do vinho a sommelier premiado por VEJA COMER & BEBER (Foto: Ligia Skowronski)

Hoje (20), estarei ao lado de Tiago Locatelli, na Equipotel, para a segunda rodada de conversas sobre minha bebida favorita, o vinho. No nosso encontro, a partir das 18h30, o sommelier explica porque a França se tornou o país mais admirado no universo do vinho e, ao mesmo tempo, o mais copiado e com rivais em todos os continentes que disputam o paladar dos amantes da bebida.

+ O evento de vinhos de Veja São Paulo na Equipotel

Locatelli, premiado duas vezes com o título de sommelier do ano por VEJA COMER & BEBER, em 2010 e 2010, foi um garoto-prodígio. Nascido em Constantina (RS), mudou-se em 1999 com apenas 18 anos para São Paulo, onde conseguiu o primeiro emprego um restaurante. Era ajudante de garçom no rodízio do Novilho de Prata, da Penha.

Migrou para a extinta Galeto Mamma Mia, em Moema, em 2001. Como garçom, percebeu que poderia ampliar sua atuação, sugestões de vinhos aos clientes. E começou a estudar o assunto a fundo.

Foi formidável senso de oportunidade colocou o gaúcho Tiago Locatelli na carreira de sommelier. Um dos fregueses da galeteria era Sylvio Lazzarini Neto, dono da churrascaria Varanda, que o convidou para trabalhar no restaurante em 2002. A dedicação de Locatelli ao tema o projetou. Bastaram apenas dois para se tornar da casa, onde está até hoje.

O reconhecimento de Locatelli não foi apenas local. Depois de passar por rigorosas provas na ABS (Associação Brasileira de Sommeliers), disputou o Campeonato Pan-Americano de Sommeliers em 2012. Subiu ao pódio. Ficou com a medalha de prata, o segundo lugar no torneio.

 

Obrigado pela visita. Aproveite para deixar seu comentário, sempre bem-vindo, e curtir a minha página no Facebook. Também é possível saber as novidades pelo Twitter e pelo Instagram.

Continua após a publicidade
Publicidade