Clique e Assine a partir de R$ 12,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 29 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Cepa é uma criação de chef e sommelière no Tatuapé; leia a crítica

Restaurante com cardápio variado fica na Zona Leste e traz receitas de Lucas Dante e harmonizações de Gabrielli Fleming

Por Arnaldo Lorençato 24 Maio 2019, 06h00

Como já aconteceu em alguns restaurantes da cidade, mais recentemente no Charco, na região dos Jardins, outro endereço que acaba de ser inaugurado é comandado por um casal. E num ponto cada vez mais gastronômico da capital: o Tatuapé. Negócio familiar instalado num antigo delivery após sete meses de reforma a um custo de 300 000 reais, nos cálculos dos proprietários, o Cepa é um projeto do chef Lucas Dante e de sua mulher, a sommelière Gabrielli Fleming, ambos ex-Hospedaria.

Enquanto Dante se incumbe de preparar as receitas sazonais do reduzido cardápio, Gabrielli recepciona os clientes, faz sugestões e indica possíveis harmonizações com vinhos.

Para quem acha que porco é tudo de bom, não dá para pular a seleção de carnes curadas: papada, pancetta, copa e lardo (R$ 26,00) de produção própria — certamente uma influência dos cinco anos em que Dante foi subchef de Marco Renzetti no Osteria del Pettirosso.

Outra pedida suína é a paleta de pele pururuca com purê de maçã, brócolis e a bem-vinda acidez de picles de cebola (R$ 48,00). Embora a textura da carne fosse ótima, com um toquezinho de sal a mais ficaria melhor.

Pedida suína: paleta de pele pururuca com purê de maçã, brócolis e picles de cebola Clayton Vieira/Veja SP

Ainda entre os pratos principais, o peixe do dia, que pode ser congro-rosa ou robalo-peba, por vezes chega na companhia de uma massa da Sardenha, a fregola apimentada com tomate-cereja (R$ 47,00).

Peixe do dia ao lado de fregola Clayton Vieira/Veja SP

Provei as três sobremesas (R$ 16,00 cada uma) do cardápio, duas delas de sabor intenso. É o caso do bolinho morno de chocolate com sorvete de kefir, um aparentado do iogurte, e da compota de tangerina com um travo amargo na companhia de ricota e pistache. No outro extremo, mostra-se muito delicada a combinação de pera cozida com gelatina de espumante.

Uma das três: compota de tangerina com ricota e pistache Clayton Vieira/Veja SP

Avaliação: BOM (três estrelas)

Clique para conferir o cardápio:

Continua após a publicidade

 

 

 

 

Valeu pela visita! Para me seguir nas redes sociais, é só clicar em:
Facebook: Arnaldo Lorençato
Instagram: @alorencato
Twitter: @alorencato

Para enviar um email, escreva para arnaldo.lorencato@abril.com.br

Caderno de receitas:
+ Fettuccine alfredo como se faz em Roma
+ O tiramisu original
+ O melhor petit gâteau do Brasil

E para não perder as notícias mais quentes que rolam sobre São Paulo, assine a newsletter da Vejinha

Continua após a publicidade
Publicidade