Clique e assine por apenas 6,90/mês
Blog do Lorençato Por Arnaldo Lorençato O editor sênior Arnaldo Lorençato é crítico de restaurantes há 28 anos. De 1992 para cá, fez mais de 15 000 avaliações. Também é autor do Cozinha do Lorençato, um podcast de gastronomia, e do Lorençato em Casa, programa de receitas em vídeo. O jornalista leciona na Universidade Presbiteriana Mackenzie

Bottega BottaGallo está com os dias contados

Aviso aos fãs: preparem os garfos e encham os copos. Mas só até 21 de setembro. Essa é data máxima de funcionamento da Bottega BottaGallo, aliás apenas BottaGallo para os íntimos. + Alex Atala prepara jantar com o chef Zaiyu Hasegawa, do estrelado Jimbocho Den, de Tóquio + Saiba todos os detalhes da abertura do […]

Por Arnaldo Lorençato - Atualizado em 26 fev 2017, 21h04 - Publicado em 30 ago 2014, 15h17
BARES

BottaGallo: só até 21 de setembro, um domingo (Fotos: Fernando Moraes)

Aviso aos fãs: preparem os garfos e encham os copos. Mas só até 21 de setembro. Essa é data máxima de funcionamento da Bottega BottaGallo, aliás apenas BottaGallo para os íntimos.

+ Alex Atala prepara jantar com o chef Zaiyu Hasegawa, do estrelado Jimbocho Den, de Tóquio
+ Saiba todos os detalhes da abertura do primeiro Red Lobster paulistano
+ Tudo sobre o teste da Paçoquita versus a Nutella
+ Restaurante francês com cozinha de bistrô faz refeição completa a 34,50 reais

O bar italiano da Cia Tradicional de Comércio fechará as portas. “Estamos há cinco anos no imóvel, mas o proprietário não quis renovar”, explica Edgard Bueno da Costa, sócio e porta-voz do grupo empresarial. “Como não esperávamos que isso fosse acontecer, ainda não encontramos um ponto para a mudança. Senão, faríamos a transferência automática.”

Por enquanto, o BottaGallo ficará sem teto.

Nhoque dourado com rúcula: receitas italianas em pequenas porções

Nhoque dourado com rúcula: receitas italianas em pequenas porções

Perguntei a Costa o que significava para o grupo o fechamento desta casa para o grupo que tem ainda o Original, o Pirajá, o Astor, o SubAstor, o Ici Brasserie, a Lanchonete da Cidade e a rede pizzarias Bráz e a Quintal do Bráz, além da participação no  Venga. A resposta:

“É uma loja individual dentro da rede, mas é um projeto super-importante. Temos um carinho muito grande pelo conceito. Temos muito conteúdo desenvolvido. Representa muito mais do ponto de vista de conteúdo, do que de valor. Ainda não temos uma resposta sobre a continuidade, mas não pensamos em acabar.”

Continua após a publicidade

+ 10 pizzarias com redondas de dar água na boca
+ Aprenda a fazer o tiramisu original. É  bico!
+ Conheça o restaurante com a mais bela vista de São Paulo

Portanto, quem gosta das pequenas porções como o nhoque dourado acompanhado de uma taça de vinho melhor se apressar.

Está não foi a única mudança na Cia Tradicional de Comércio neste ano. Em julho, houve o anúncio de que Artur Grynbaum e Miguel Krigsner, acionistas do Grupo Boticário, tornaram-se sócios por meio do fundo de investimento 2+capital da empresa que orginalmente pertencia somente ao sexteto Ricardo Garrido, Edgard Bueno da Costa, Sergio Bueno de Camargo, Fernando Grinberg, Mario Gorski e André Lima.

+ Descubra cinco restaurantes mundo afora com visuais de ofuscar a retina
+ Helena Rizzo, do Maní, é a melhor chef do mundo
+ Receita: cheesecake de Nutella

O que motivou o interesse do 2+capital, que funciona como um private equity (comprador de empresas para obter lucro a longo prazo com a venda de ações), foi justamente o vistoso portfólio da Cia. Tradicional de Comércio, composto de nove marcas. São 22 lojas espalhadas por São Paulo, Rio.

Agora é torcer para que o BottaGallo fique desabrigado por pouco tempo e volte logo.

As cobiçadas scarpetas: porções para partilhar

As cobiçadas scarpettas: indicadas para partilhar

Confira o cardápio e a carta de vinhos.

Obrigado pela visita. Aproveite para deixar seu comentário, sempre bem-vindo, e curtir a minha página no Facebook. Também é possível receber as novidades pelo Twitter.

Continua após a publicidade
Publicidade