Clique e assine com até 89% de desconto

Gato é resgatado sob escombros horas após grave terremoto na Turquia

Animal foi encontrado pelas equipes de resgate sob os escombros de um dos 17 prédios que desabaram após tremor na cidade turca de Izmir

Por Redação VEJA São Paulo 31 out 2020, 13h13

Um gato foi resgatado com vida horas após o grave terremoto que atingiu a Turquia e a Grécia. Enquanto ainda era noite na cidade turca de Izmir, atingida por um tremor de 6.6 graus na escala Richter às 14h51 locais (8h51 de Brasília) de ontem, o animal foi encontrado pelas equipes de resgates sob os escombros de um dos 17 prédios que desabaram na cidade. As informações são do UOL.

Um agente da AFAD, a Autoridade de Combate a Desastres e Emergências turca, conseguiu alcançar o gato embaixo dos escombros e fez o resgate do animal, que não apresentava ferimentos.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

No último balanço da AFAD, 28 pessoas haviam morrido em Izmir por consequência do terremoto, que teve o seu epicentro no Mar Egeu, a uma profundidade de 16,54 km e a uma distância de 17,26 km da costa turca. Os feridos já somavam 885.

 

O tremor também causou estragos na ilha de Samos, na Grécia, onde a TV estatal grega ERT confirmou a morte de dois adolescentes, de 15 e 17 anos. Eles morreram enquanto atravessavam a rua e um muro desabou em cima dos dois.

As equipes de resgate turcas ainda lutam hoje para encontrar sobreviventes entre os escombros dos edifícios que desabaram. Em Bayrakli, distrito de Izmir, socorristas tentaram durante toda a noite abrir passagem em uma pilha gigantesca de concreto e aço que formava os escombros de um edifício residencial de sete andares.

O abalo sísmico de ontem foi tão forte que também foi sentido em Istambul, maior cidade da Turquia, e na capital grega Atenas. Além disso, provocou um minitsunami que inundou as ruas de Seferihisar, cidade turca próxima do epicentro, e afetou as costas de Samos.

+Assine a Vejinha a partir de 6,90

  • Continua após a publicidade
    Publicidade