Preto no Branco

VejaSP
starsstarsstarsstarsstars

Resenha por Dirceu Alves Jr.

Conflitos da classe média sempre serviram de inspiração para a dramaturgia. Boa parte da obra de Nelson Rodrigues e o roteiro do filme O Discreto Charme da Burguesia, de Luis Buñuel e Jean-Claude Carrière, são exemplos notáveis. Sob as tintas carregadas do humor, o tema, no entanto, promove uma reflexão incômoda, sobretudo se facilmente traduzida como reflexo de nossa vizinhança. Dirigida por Zé Henrique de Paula, a ácida comédia do inglês Nick Gill se inicia em um fim de tarde que deveria ser exatamente igual aos outros para o casal James e Jane (Marco Antônio Pâmio e Chris Couto). Racistas declarados, eles estão diante de um fato inesperado: a filha (Bruna Thedy) leva para casa o novo namorado (Sidney Santiago), negro e de fortes convicções religiosas. Uma sucessão de absurdos toma conta da ação, e diálogos impactantes são vociferados por Pâmio e Chris. Quem também surpreende pela versatilidade é Bruna Thedy nas parcerias com Santiago e Thiago Carreira, que representa seu irmão. Dias 3, 4, 5, 10, 11, 12/4/2015.

    info
  • Direção: Zé Henrique de Paula
  • Duração: 90 minutos
  • Recomendação: 14 anos
Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s