Clique e Assine a partir de R$ 6,90/mês

Coleção Brasiliana Itaú

VejaSP:

Resenha por Jonas Lopes

Formada na última década pelo banqueiro Olavo Setubal (1923-2008), a Coleção Brasiliana Itaú é composta de mais de 5 000 peças sobre a história do país. Para a mostra, 300 obras foram pinçadas pelo curador Pedro Corrêa do Lago, entre pinturas, aquarelas, desenhos, gravuras e livros. Vale destacar raridades como Panorama da Cidade de São Paulo (1821), de autoria do francês Pallière, primeiro óleo conhecido a representar a cidade antes da invenção da fotografia. Sobressaem ainda os suntuosos registros do casamento de dom Pedro I e dona Amélia (1829), por Jean Baptiste-Debret, e da assinatura da Lei Áurea (1888), por Victor Meireles. E há joias para enlouquecer bibliófilos, como o exemplar de Memórias Póstumas de Brás Cubas, de Machado de Assis, sombriamente ilustrado por Candido Portinari, e um caderno de gravuras de Lasar Segall com poemas de Mário de Andrade, Manuel Bandeira e Jorge de Lima. Até 2/5/2010.

Comentários

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.