Natal

VJ Tuta: o homem de dentro da árvore

Saiba quem é a pessoa que acende e apaga as luzes do efeite do Ibirapuera

Por: Maria Paola de Salvo - Atualizado em

Ele fica o mês de dezembro quase inteiro numa árvore próxima ao Ibirapuera. Não, não é uma ave migratória que resolve dar as caras por aqui no fim da primavera. Responsável por operar as luzes e o som da árvore de Natal em frente ao parque, o VJ Tuta, nome artístico de Tennyson Brasil, "mora" ali durante 35 dias. Este ano será o terceiro em que o VJ fará plantão numa casinha de 6 metros quadrados montada dentro do gigantesco enfeite. Fica a postos das 17h30 à 1 da manhã, entre 3 de dezembro e 6 de janeiro. Sua missão: apertar os botões que acendem e apagam as 500 000 luzinhas, além de comandar o pick-up, com hits natalinos como Jingle Bells e sucessos de Ivete Sangalo. "Transformo a rua numa discoteca", diz.

Se algum detalhe quebra ou o sistema de iluminação não funciona, é o VJ-eletricista quem tem de consertar. Para alcançar a estrela de 6 metros presa no topo da árvore, por exemplo, Tuta entra em um elevador interno que sobe 60 metros (o equivalente a um edifício de vinte andares). Munido de cinto de segurança e capacete, ele precisa fazer uma espécie de rapel para checar os pontos mais altos. E quase toda noite surgem defeitos, principalmente depois das chuvas de verão. "Durante as tempestades, o barulho é tão forte que parece que a árvore vai sair voando", conta. Tuta não tem folga nem na ceia de Natal ou no réveillon, quando seu expediente só termina às 3 horas. Sua família leva a comida até ele e faz a festa lá mesmo. "Às vezes, fico com vontade de estar na praia, mas é bom dar prazer às pessoas", afirma Tuta, que ganha 3.000 reais pelo trabalho.

Apesar de a árvore ainda não estar pronta, quem passar pela Avenida Pedro Álvares Cabral nestas semanas vai avistá-lo circulando por ali e ajudando nas obras, que devem ser concluídas no próximo dia 2. Trabalham 150 pessoas na construção. Depois que a enorme estrutura tubular de ferro for erguida, a árvore será revestida de 1 quilômetro de tecido vermelho. Estará então pronta para receber a decoração. Neste ano, a novidade serão os 48 anjos instalados na copa e os doze que ficarão na base. Além das 500 000 lâmpadas que Tuta acende e apaga, a árvore será circundada por 12 quilômetros de flexlights (mangueiras de luz nas cores vermelho e branco). A cada hora, essas lâmpadas consomem 400 kilowatts de energia. É o suficiente para abastecer uma casa num período de trinta dias, tirar o sono do VJ Tuta nas noites de dezembro e tornar mais luminoso o Natal dos paulistanos.

Fonte: VEJA SÃO PAULO