Restaurantes

Vito está maior e mais agradável

O chef André Mifano transferiu o restaurante italiano para um imóvel próximo em uma rua transversal

Por: Arnaldo Lorençato

Vito
O salão: quase o dobro de lugares na mesma Vila Beatriz (Foto: Fernando Moraes)

Depois de mais três anos na Rua Pascoal Vita, na Vila Beatriz (região do Alto de Pinheiros), o chef André Mifano transferiu o italiano Vito para um imóvel próximo em uma rua transversal. Mais espaçoso, o salão saltou de 27 para quarenta lugares. Recebeu conforto extra com uma sala de espera para sete pessoas — antes os clientes aguardavam na calçada — e novos equipamentos, caso da adega para 400 garrafas. O bar também foi ampliado.

+ Acesse o cardápio completo do Vito

+ André Mifano foi chef revelação em 2009

Vito - André Mifano
André Mifano: especialista em pratos com cortes de carne suína (Foto: Fernando Moraes)

Na cozinha, Mifano mostra-se cada vez mais à vontade, e, de tempos em tempos, renova o cardápio. Ele tem predileção pelos pratos com carne suína. Desde a inauguração, prepara uma formidável barriga de porco recheada de noz-pecã e ervas (R$ 51,00). De pele dourada e crocante, chegava originalmente na companhia de risoto de maçã — agora é guarnecida por batata-doce caramelada. Essa mesma carne aparece no risoto de porchetta com cogumelo shiitake adornado por um torresmo assado (R$ 47,00). De jeitão caseiro, o espaguete fresco chega com um delicioso ragu caipira (R$ 30,00), composto de moela e coração. Caem bem de entrada a tenra lula assentada sobre batata-doce (R$ 25,00) e a berinjela à parmigiana (R$ 17,00) ao estilo da Sicília.

Vito
Barriga de porco de pele crocante guarnecida de batata-doce (Foto: Fernando Moraes)

Na sobremesa, a panacota de pistache (R$ 15,00) possui textura granulada e a medida certa de açúcar. Falta corrigir a calda de vinagre balsâmico, excessivamente ácida. Confiada à promissora sommelière Helena Mattar, a carta de vinhos traz escolhas como o tinto italiano Vitiano 2009 (R$ 78,00).

COMIDA ✪✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪ | SERVIÇO ✪✪✪

Fonte: VEJA SÃO PAULO