passeios

Primeira Virada Científica tem "terremoto" e corrida de baratas

Evento que se concentra na USP espera receber 10 000 participantes em 24 horas de duração

Por: VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

A partir das 8h deste sábado (11), a USP irá se transformar em uma grande feira de ciências durante a primeira Virada Científica da capital, que se estende até as 8h de domingo. Com mais de 100 atrações gratuitas, entre oficinas, exposições, shows, peças de teatro e experimentos ao vivo, o evento espera receber um público de 10 000 participantes ao longo das 24 horas de programação.

As atividades acontecem em várias unidades da instituição, concentrando a maior parte no campus da Cidade Universitária, na Zona Oeste. Seis museus da capital também entram no roteiro (saiba mais informações abaixo).

+ Promotor diz que Sabesp sabia do risco do Cantareira desde 2012

+ Cinema: Terror 'Annabelle' e documentário 'Ilegal' estão entre as estreias

O que deve mais atrair a garotada é a simulação de um “terremoto”, que será realizada no Instituto de Astronomia. Com um pulo, crianças e adultos irão provocar um tremor no solo do Centro de Sismologia e poderão medir a frequência com a ajuda de um sismógrafo.

Na Oficina de Réplicas, no Parque CienTec, os pequenos poderão reproduzir um fóssil de gesso. No mesmo lugar, os mais corajosos podem acompanhar uma corrida de baratas e ainda assistir a uma partida de futebol entre robôs.

Confira outras atrações:

Célula gigante – Uma célula humana será aumentada 130 000 vezes, possibilitando que os participantes mergulhem no mundo dos ribossomos e das mitocôndrias. Onde? Instituto de Biociências. Quando: sáb. (11), das 9h às 17h.

Virada Científica
Uma célula gigante permite ao visitantes entender como funciona parte do organismo humano (Foto: Divulgação)

50 tons de cinza – Uma escala com graduações de cinza será usada como guia para analisar os índices de poluição do ar. Depois, o visitante sai a campo e aprende a identificar o grau de poluição da região onde vive. Onde? Instituto Oscar Freire - Faculdade de Medicina. Quando: sáb. (11), das 9h às 17h.

Ciência cult – O CINUSP apresenta ao público oito sessões de cinema. Integram a programação filmes como A Invenção de Hugo Cabret (2011), de Martin Scorsese, e a coletânea Jean Painlevé – Seres das Profundezas, uma reunião de curtas sobre a fauna marinha. No Instituto Oceanográfico, o infantil Procurando Nemo ganha bate-papo sobre a ciência que existe no filme. Onde? CINUSP. Quando? Sáb. (11), das 9hs às 22hs e dom. (12), 0h às 7h. Procurando Nemo. Onde? Instituto Oceanográfico. Quando: sáb. (11), sessões às 9h e às 14h.

Bichos exóticos – Reconhecido internacionalmente por ser um dos únicos do mundo a apresentar uma exposição viva e permanente composta por serpentes, iguanas, aranhas e escorpiões, o Museu Biológico abre suas portas para receber o público durante o evento. Onde? Museu Biológico. Quando? sáb. (11), das 9h às 16h30.

Observação de aves – Ao percorrer uma trilha no Instituto Butantan, os participantes poderão encontrar algumas das cinquenta espécies que habitam as redondezas, como o pica-pau-de-cabeça-amarela, a choca-da-mata e a pula-pula. Antes de sair a campo, os interessados passam por um breve curso de observação e fotografia de aves. Onde? Auditório sul do Instituto de Física. Quando? Sáb. (11), das 13h às 17h. Local de saída para a observação: Concentração no portão do Instituto Butantan dentro da USP, às 6h45 de dom. (12).

Física e química no palco – Para ensinar crianças e adultos a entender um pouco melhor o mundo da termodinâmica, energia e equilíbrio, experimentos serão apresentados ao vivo para o público. Entre os números do show haverá esmagamento de um galão de água sem utilizar a força e a construção de uma flauta transversal com cano de PVC. Onde? Instituto de Física. Sessões às 9h, 11h, 14h, 16h e 19h. 

Exposição permanente – Apesar de não integrar o roteiro científico, o Museu de Arte Contemporânea também fará parte da programação. O local abre suas portas e apresenta ao público catorze exposições da casa, incluindo obras de fotografia e arquitetura. Onde? Museu de Arte Contemporânea. Quando? sáb. (11), das 10h às 18h. 

Veja a programação completa em http://prceu.usp.br/viradacientifica/programacao/

Fonte: VEJA SÃO PAULO