Diversão

Vinte programas para curtir com as crianças

Shows, espetáculos teatrais, parques, bichos e circo. Confira a seguir uma seleção, com indicações de idade, do que há de melhor para animar a garotada no Dia das Crianças e também durante todo o mês

Por: Helena Galante - Atualizado em

Palavra Cantada

2 a 12 anos

É com um friozinho na barriga que os músicos paulistanos Sandra Peres e Paulo Tatit, do conjunto infantil Palavra Cantada, falam do show marcado para domingo (12) no Credicard Hall. "Apresentação para 3 800 pessoas assusta", diz Sandra. Não se trata, porém, de amadorismo ou insegurança, mas de uma ansiedade que revela o esmero empregado em cada trabalho. Desde 1994, quando formaram o duo, Sandra e Paulo já realizaram centenas de exibições enxutas e grandes Brasil afora (nem eles sabem ao certo quantas foram). Gravaram treze CDs e quatro DVDs, que venderam mais de 1 milhão de cópias. Alheios a possíveis fórmulas para conquistar a meninada, os dois investem em letras criativas e arranjos refinados. E arrebatam também adultos e crítica especializada: quatro de seus discos faturaram prêmios Sharp e TIM, reconhecidos no meio musical.

Sandra, 45 anos, e Paulo, 53, conheceram-se por acaso, numa aula de música, em 1989. A estável união profissional – não, eles não são casados – costuma gerar bons resultados. Só neste ano lançaram os álbuns Carnaval Palavra Cantada e Canciones Curiosas. Produziram ainda o CD Palavra Cantada Tocada, com versões instrumentais de Jonas Tatit, sobrinho de Paulo, e prometem levar ao Sesc Vila Mariana, em novembro, a opereta infanto-juvenil Ramon & Maraó.

Os primeiros hits, Sopa, Criança Não Trabalha e Rato, e depois os outros, tiveram letra e melodia compostas pela dupla no aconchegante e colorido estúdio instalado em um prédio comercial da Rua João Moura, em Pinheiros. "Essas músicas estão sempre garantidas em nosso repertório", afirma Paulo Tatit. "Já são clássicos." Assim surgiu a idéia de O Melhor da Palavra Cantada, uma reunião de canções de sucesso e outras prediletas dos próprios artistas que o público confere no Dia das Crianças.

Alguns elementos viraram marca registrada em seus shows: a iluminação vibrante, os figurinos divertidos e o alto-astral da banda de apoio. Daniel Ayres (baixo), Estevão Marques (bateria) e as irmãs Julia e Marina Pittier (percussão) vez ou outra trocam de instrumentos, cantam, dançam e até brincam de teatro. Fizeram tudo isso na gravação do DVD Pé com Pé, no Auditório Ibirapuera, em 2006, e prometem repetir a dose, agora acompanhados por João Milliet (guitarra). Na tarde de domingo, imagens de objetos domésticos e desenhos fofinhos serão projetadas em um telão no momento da apresentação apelidado de "quarto da criança". É quando cantigas mais parecidas com as de ninar prometem emocionar as famílias. "Se tudo der certo, vai ser um chororô só", brinca Sandra, que admite derramar algumas lágrimas ao ver a emoção da platéia. Seja ela pequena ou do tamanho da maior casa de espetáculos da cidade.

Credicard Hall (3 800 lugares). Avenida das Nações Unidas, 17955, Santo Amaro, 2846-6010. Domingo (12), 15h. R$ 50,00 a R$ 120,00. Bilheteria: 12h/20h (seg. a dom.). Cc.: todos. Cd.: R e V. Fnac, TM.

A receita da sopa

• Paulo e Sandra, criadores do Palavra Cantada, conheceram-se em 1989, num curso de harmonia musical. Eles não são casados

• O duo, formado em 1994, já vendeu 1,39 milhão de CDs e DVDs

• Um dos itens que a dupla geralmente pede nos camarins é bolo de chocolate

• Sandra tem formação erudita: estudou piano. Paulo aprendeu a tocar "de ouvido" e integrou o Grupo Rumo na década de 80

• Desde 2005, quando passaram a organizar os números, os dois registraram público de mais de 120 000 pessoas em seus shows pelo Brasil

• O cachorro da letra de Pepe, Meu Cão, faixa do CD Carnaval Palavra Cantada, existe: trata-se de um poodle com 14 anos que vive com Sandra

LazyTown

2 a 5 anos

Ao ouvirem os versos "Vem, vem, vem, vem pra LazyTown...", os menorzinhos ficam paralisados diante da TV. Os mais crescidos agitam-se e até arriscam repetir as piruetas ou coreografias. Exibido no Discovery Kids, o seriado criado na Islândia que ensina hábitos saudáveis volta ao palco em forma de um coloridíssimo show com nove atores brasileiros. Eles saltitam o tempo todo e dublam as "grudentas" canções (vertidas para o português). Na trama, o atlético herói Sportacus e a garotinha Stephanie reúnem a turma para ajudar na festa de aniversário da cidade. Mas o preguiçoso vilão Robbie Rotten fará de tudo para atrapalhar. Duração: 90 minutos, com intervalo.

Via Funchal (3 071 lugares). Rua Funchal, 65, Vila Olímpia, 3188-4148. Sábado (11) e domingo (12), 14h e 18h. R$ 25,00 a R$ 75,00 (crianças de até 12 anos) e R$ 50,00 a R$ 150,00. Bilheteria: 12h/22h (seg. a dom.). Cc.: todos. Cd.: V. Estac. c/manobr. (R$ 20,00). www.viafunchal.com.br.

Planetário

7 a 12 anos

No sábado (11), às 8 da noite, os astrônomos do Planetário do Ibirapuera convidam a garotada para observar crateras e montanhas da Lua em três telescópios. Se chover ou se o céu estiver encoberto, haverá uma projeção extra na cúpula de 18 metros de diâmetro, com a simulação exata da posição de planetas e astros naquele dia. O programa, chamado de Banho de Lua, é grátis. Para a criançada acostumada a ver o céu poluído, as sessões normais, aos sábados e domingos à tarde e no comecinho da noite, também são ótima pedida.

Parque do Ibirapuera, portão 10, 5575-5425. Sessões às 15h, 17h e 19h (sáb. e dom.). R$ 2,50 (crianças de até 12 anos) e R$ 5,00. IR. Bilheteria: 9h/18h (seg. a sex.); a partir das 10h30 (sáb. e dom.).

Aquário de São Paulo

4 a 12 anos

Quase sempre longe da praia, as crianças costumam vibrar ao ver peixinhos em aquários pequenos. Imagine 400 exemplares de espécies marinhas nadando num tanque de 1 milhão de litros de água salgada. A brincadeira começa com a decoração, inspirada em um navio naufragado. Pelas paredes e pelo teto de acrílico, é possível acompanhar a pressa dos cardumes e o movimento vagaroso de seis tubarões-lixa. Nos outros 39 espaços há jacarés, lagartos vermelhos e peixes-elétricos, entre animais de aproximadamente 200 espécies.

Aquário de São Paulo. Rua Huet Bacelar, 407, Ipiranga, 2273-5500. 9h/18h (seg. a dom.). R$ 10,00 (seg.) e R$ 20,00. Estac. c/manobr. (R$ 10,00). Grátis para menores de 3 anos. www.aquariodesaopaulo.com.br.

Circo de Bonecos

3 a 5 anos

Bons atores-manipuladores, Claudio Saltini e Rani Guerra usaram o nome do grupo para batizar sua nova peça. O ponto de partida é a brincadeira de dois amigos em uma sala de estar. Atrás do sofá ou em cima do aparador, eles inventam números de mágica e acrobacia. Fofinhos, um elefante de duas pernas e uma hipopótama cor-de-rosa surgem em balés insólitos. Dirigida por Teka Queiroz, a dupla não tem medo de misturar cenas agitadas a passagens mais poéticas. O lento vôo de um pássaro feito de jornal, por exemplo, deixa a platéia boquiaberta.

Teatro Alfa – Sala B (200 lugares). Rua Bento Branco de Andrade Filho, 722, Santo Amaro, 5693-4000. Sábado e domingo, 16h. R$ 10,00 (crianças de até 12 anos) e R$ 20,00. Grátis para menores de 3 anos. Bilheteria: 11h/19h (seg. a sáb.); a partir das 11h (dom.). Cc.: todos. Cd.: R e V. Estac. c/manobr. (R$ 19,00). www.teatroalfa.com.br. Até 30 de novembro.

Cocoricó

2 a 5 anos

Atualmente, não há série infantil de TV produzida no Brasil que faça tanto sucesso quanto a turma do Cocoricó, atração da Cultura. No palco desde setembro, a superprodução Cocoricó em uma Aventura no Teatro repete o êxito da televisão e conquista a simpatia do público. As galinhas Lola, Lilica e Zazá mais o pangaré Alípio e o menino Júlio comandam as buscas pelo bebê-porquinho Astolfo, desaparecido desde que um objeto não identificado foi visto sobrevoando a fazenda. Ao contrário dos episódios gravados para a Cultura, os catorze manipuladores estão visíveis, vestidos com máscaras e roupas pretas. Compostas por Hélio Ziskind, as ingênuas canções ganham graça extra com as coreografias dessa turma.

Teatro Shopping Frei Caneca (600 lugares). Shopping Frei Caneca, 6º andar, 3472-2229. Sábado, 16h; domingo, 11h e 16h. Não haverá sessões às 16h neste sábado (4) e no domingo (12). No sábado (11), exibição também às 14h. R$ 20,00 (crianças de até 12 anos) e R$ 40,00. IR. Bilheteria: 13h/19h (ter. a sáb.); a partir das 10h (dom.). Estac. (R$ 7,00 por duas horas). Até 7 de dezembro.

Zoológico

4 a 12 anos

Escolha um dia de sol e prepare a garotada para gastar a sola dos sapatinhos. É preciso andar bastante para conhecer parte dos cerca de 3 500 animais que habitam os 825 000 metros quadrados do zôo. Alguns são imperdíveis, caso das girafinhas Mel, Kristal e Palito e da hipopótama Tetéia, de 50 anos, e sua filha, Sininho, de 7. Macacos, lobos, leões e elefantes também estão entre os bichos mais visitados. Com um pouco de sorte, podem ser vistos circulando livremente pelo parque animais silvestres como bugios e gambás.

Zoológico. Avenida Miguel Stéfano, 4241, Água Funda, 5073-0811. 9h/17h (ter. a dom.). R$ 3,50 (crianças entre 7 e 12 anos) e R$ 13,00. Grátis para menores de 7 anos e pessoas com mais de 60. Serviço de microônibus no terminal do Metrô Jabaquara, ida e volta; ter. a dom., 9h/15h, inclui a entrada: R$ 6,80 (crianças de 7 a 12 anos) e R$ 16,30. Grátis para menores de 7 anos e pessoas com mais de 60. www.zoologico.sp.gov.br.

O Mundo da Xuxa

3 a 9 anos

Das dezoito atrações do parque, apenas quatro são destinadas exclusivamente aos baixinhos. Ou seja, papais e mamães podem entrar na farra com a meninada nos barcos do Bosque dos Duendes, tirar os sapatos e enfrentar as passagens labirínticas do Vale do Sol, rodopiar nas xícaras do Roda Roda da Xuxa e dar uma voltinha na suave montanha-russa. Quem gosta de emoções mais intensas, e nada arriscadas, diverte-se no Simulador X, um cinema em que as poltronas se movimentam conforme o filme – as sessões duram cerca de 5 minutos. Dica para as meninas: uma visita à Casa da Xuxinha. O espaço cor-de-rosa tem cama, banheira, chuveiro (sem água) e cozinha. No sábado (11) e no domingo (12), o parque funciona até as 9 da noite.

Shopping SP Market, 5541-2530. 10h/17h (ter. a sex.) e 11h/19h (sáb. e dom.). R$ 29,00 e R$ 39,00 (crianças entre 2 e 13 anos). Grátis para menores de 2 anos. Cc.: todos. Cd.: todos. Estac. (R$ 3,00 por quatro horas). www.omundodaxuxa.com.br.

Kick Bola Urbana

5 a 12 anos

Aberto para o público apenas no domingo (12), Dia das Crianças, o galpão de 1 300 metros quadrados de área próximo ao MorumbiShopping reúne doze atrações inspiradas no futebol. Com a bola no pé, meninos e meninas treinam pênaltis, cabeçadas, bicicletas e outras jogadas. O inusitado jogo Janela da Vizinha mede, com sensores, a força do chute da garotada contra uma parede. No 1 a 1, os atletas mirins encaram o adversário num espaço cercado por gradis. Há também um pula-pula, chamado Bungee Ball, no qual o desafio é chutar a bola no alto da rede que envolve o brinquedo. Para os mais crescidos e habilidosos com a bola, o Futebol Underground garante muita adrenalina: no subsolo do parque, a partida rola no escuro, com coletes e bolas fluorescentes.

Kick Bola Urbana. Rua Bacaetava, 250, Brooklin, 5093-2035 e 5044-5088. Domingo (12), 12h/18h. R$ 28,00, sem restrições de tempo ou modalidades. Cd.: M e R. Grátis para menores de 3 anos e pessoas com mais de 65. www.kickbolaurbana.com.br.

Circo do Seu Lé

6 a 9 anos

Três animados músicos embalam as trapalhadas do picadeiro comandado pelo domador Seu Lé (Marcelo Zurawski). Quando ele enfrenta problemas para tocar o circo, dois meninos de rua aparecem para ajudar. Hábeis nos números de acrobacia e malabarismo – e ainda melhores nas palhaçadas –, os atores Zedim (José Eduardo Rennó) e Frussi (Tucci Fattore) roubam a cena e arrancam gargalhadas da platéia. Ao lado de Natália Kwast e Regina Helena Lopes, eles criam um plano mirabolante para enganar um fiscal determinado a acabar com qualquer possibilidade de diversão.

Teatro Alfa – Sala B (200 lugares). Rua Bento Branco de Andrade Filho, 722, Santo Amaro, 5693-4000. Sábado e domingo, 17h30. R$ 10,00 (crianças de até 12 anos) e R$ 20,00. Grátis para menores de 3 anos. Bilheteria: 11h/19h (seg. a sáb.), a partir das 10 horas (dom.). Cc.: todos. Cd.: R e V. Estac. c/manobr. (R$ 19,00). www.teatroalfa.com.br. Até 2 de novembro.

Fonte: VEJA SÃO PAULO