Guia

Atualize a carteira de vacinação antes de viajar

Saiba quais as imunizações são necessárias na hora de sair do país

Por: Anna Carolina Oliveira - Atualizado em

Vacina
Febre amarela: a pessoa deve tomar a vacina pelo menos dez dias antes (Foto: Thinkstock)

Passaporte em mãos, visto em dia e pacote de viagem fechado. Pronto, você está quase preparado para aproveitar sua viagem. Ainda falta checar sua carteira de vacinação.

Hoje a única imunização obrigatória é a contra a febre amarela. "Outras vacinas e medidas de saúde variam conforme o país para onde se vai", informa a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Um exemplo é a dose contra o sarampo, indicada para os que desembarcam na Europa — segundo a Organização Mundial da Saúde. Atualmente o continente registra mais de 6,5 mil ocorrências da doença.

+ Paulistanos indicam lugares que todo mundo deveria conhecer

+ Veja o que você deve analisar na hora de escolher sua viagem

+ Guia de compras em Buenos Aires

+ Saiba o que fazer para manter o passaporte em dia

+ Dicas para não ser deportado

No caso da febre amarela, a pessoa precisa levar a injeção pelo menos dez dias antes do passeio. Além disso, a imunização deve ser registrada no Certificado Internacional de Vacinação, emitido em qualquer Centro de Orientação ao Viajante da Anvisa mediante apresentação de um documento original com foto, comprovante de vacinas atualizado e cadastro no site http://www.anvisa.gov.br/viajante/. Em São Paulo, são dois postos, um no Aeroporto de Congonhas e outro em Cumbica (confira a lista de todo Brasil aqui).

Independentemente de onde você irá curtir suas férias, a Associação Brasileira de Agências de Viagens (ABAV Nacional) recomenda três vacinas: tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola), dT (difteria e tétano) e hapatite B. "No deslocamento para áreas endêmicas, a poliomielite, influenza e meningite meningocócica também são indicadas", sugere a associação.

Abaixo, a lista dos países que exigem a vacinação contra febre amarela para turistas de qualquer localidade*:

- Angola

- Benim

- Burkina Faso

- Burundi

- Camarões

- República Centro-Africana

- Congo

- Costa do Marfim

- República Democrática do Congo

- Guiana Francesa

- Gabão

- Gana

- Guiné-Bissau

- Libéria

- Mali

- Níger

- Ruanda

- São Tomé e Príncipe

- Serra Leoa

- Togo

(*dados recolhidos pela Organização Mundial de Saúde e publicados no International Travel and Health)

Fonte: VEJA SÃO PAULO