Roteiro

Veja São Paulo Recomenda

Restaurante, festival e outros programas bacanas para a semana

Por: Veja São Paulo

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Listamos programas bacanas para a semana. E, o melhor, todos contam com algum tipo de desconto. Confira:

  • Consagração do estilo irreverente do cineasta espanhol Pedro Almodóvar, o filme de 1988 fez meio mundo gargalhar e, em 2010, rendeu uma adaptação teatral na Broadway. O musical, criado por Jeffrey Lane e David Yazbek, origina, agora, uma versão brasileira dirigida por Miguel Falabella — nas devidas proporções, um quase parente de Almodóvar. Os dois têm uma nítida preferência pela temática feminina e, mesmo quando se apoiam na caricatura, dosam sensibilidade e um impagável tom crítico. Fielmente retratada no palco, a trama apresenta três mulheres envolvidas em um clima tragicômico por causa de suas confusões amorosas. Abandonada pelo amante, a atriz Pepa (Marisa Orth) descobre que está grávida, enquanto Candela (Helga Nemeczyk), sua melhor amiga, se apaixona por um terrorista. Mulher do amante de Pepa, Lúcia (papel de Totia Meireles) perdeu a lucidez e resolve se vingar do ex nos tribunais. Falabella criou uma encenação que alivia o escracho e investe em um clima folhetinesco. Escolha acertada, Marisa foge do óbvio ao transformar Pepa em uma heroína romântica e abre espaço para Totia explorar a veia cômica. Se há um excesso de números musicais, a cenografia, idealizada por J.C. Serroni, ajuda no ritmo da montagem. O time masculino conta com Juan Alba, Daniel Torres e Ivan Parente, entre outros. De 14/11/2015. Até 20/2/2016.
    Saiba mais
  • Documentário

    Malala
    VejaSP
    Sem avaliação
    Em 9 de outubro de 2012, a paquistanesa Malala Yousafzai voltava para casa num ônibus escolar quando um homem armado disparou três tiros em sua direção. Ela tinha 12 anos, e uma das balas atravessou sua cabeça. O eficiente documentário de Davis Guggenheim (vencedor do Oscar por Uma Verdade Inconveniente) reconstitui os detalhes da trajetória da garota que, premiada com o Nobel da Paz, virou uma ativista pelos direitos das mulheres à educação. Além de focar o atual cotidiano de Malala — ela mora em Birmingham, na Inglaterra, com os pais mais dois irmãos —, o registro mostra como os fundamentalistas do regime do Talibã dominaram a região do Vale do Swat e promoveram mudanças radicais nos costumes da população. Estreou em 19/11/2015.
    Saiba mais
  • Parques

    KidZania

    Avenida Rebouças, 3970, Pinheiros

    Tel: (11) 3995 4500

    VejaSP
    13 avaliações

    A cada meia hora, uma simulação de um grande incêndio acontece no hotel da cidade fictícia de KidZania. Em poucos minutos o minicarro dos bombeiros chega e dele sai um grupo de crianças treinadas para controlar o fogo em poucos minutos. Se houver algum ferido, uma ambulância com pequenos médicos socorre a vitima, que é encaminhada para o hospital, onde ocorrem também operações, como transplante de fígado. Toda essa agitação pode ser conferida na primeira unidade brasileira da rede mexicana KidZania, instalada no Shopping Eldorado desde dezembro de 2014. Por lá ocorrem ainda simulações de casos enfrentados em uma delegacia, cozinha de restaurante, agência de publicidade, laboratório de ciências e até em uma redação de jornal. A ideia ali é o visitante escolher quais profissões quer desempenhar durante o passeio, entre as 52 opções disponíveis.

    O parque mostra-se bem organizado, limpo e oferece um mix de atrações divertido, é verdade, mas o preço do ingresso revela-se um balde de água fria e só vale a pena para quem quiser muito conhecer o lugar ou tiver certeza de que a criança se identifica com o passeio. Custa 120 reais para as crianças – as de até 4 anos junto de outra pagante entram de graça e a garotada a partir de 8 anos pode ficar sozinha por lá. Só para acompanhar e sem participar de nada, os adultos desembolsam 50 reais. Quem optar por investir no passeio, deve se atentar ao horário de funcionamento para aproveitar ao máximo.

    Ao cruzar o portão de entrada, semelhante a um aeroporto, o visitante recebe um cheque de 50 kidZos – moeda local. A aventura começa com uma ida ao banco para trocar o cheque por cédulas ou um cartão, usados para ingressar nos diversos estabelecimentos e instituições da cidade. Depois de “trabalhar” em uma das áreas, eles recebem o salário em kidZos – a moeda pode ser utilizada também para pagar por serviços como manicure.

    Para os adultos que quiserem dar um tempo do barulho da música ambiente somada a sirenes e buzinas dos veículos das brincadeiras, há um espaço equipado com poltronas, wi-fi, tomada para carregar celular e uma cafeteria. Quem estiver acompanhado de crianças de até 4 anos possui à disposição outro ambiente com jogos e brinquedos voltados para essa faixa etária. É proibido entrar com alimentos, mas dentro do local, dispõe de unidades do Burger King, 1900 Pizzeria e Kopenhagen, além de uma pequena praça de alimentação.

    Saiba mais
  • Estilos variados

    Sónar
    Sem avaliação
    Em sua última edição por aqui, em 2012, o festival Catalão reuniu 30 000 pessoas no Anhembi para ver Kraftwerk e Cee Lo Green. No ano seguinte, porém, foi cancelado por questões financeiras. De volta a São Paulo, a promessa agora é que ele fique de vez — com crise ou sem crise. Em versão mais enxuta, a programação deve atrair os apaixonados por sons experimentais, saudosistas e hipsters. A atração principal no sábado (28) é o The Chemical Brothers, importante nome na cena eletrônica da década de 90. Em julho, após um período de cinco anos sem lançamentos, a dupla soltou o oitavo disco de estúdio, Born in the Echoes, que deve pôr o público para dançar. A festa também convocou o novo queridinho do hip-hop, Evian Christ, e os ingleses do Hot Chip, que estão com um trabalho fresco na praça, Why Make Sense?. O DJ e produtor francês Brodinski, a DJ chilena Valesuchi e o brasileiro Zopelar completam o line-up.
    Saiba mais
  • Italianos

    Vinheria Percussi

    Rua Cônego Eugênio Leite, 523, Pinheiros

    Tel: (11) 3088 4920

    VejaSP
    10 avaliações

    Uma dupla de irmãos toca a casa que é uma das boas referências italianas da cidade. Lamberto Percussi organiza o serviço e a carta de vinhos, e Silvia supervisiona a cozinha. O ótimo bacalhau ao estilo da Itália vem com purê de batata, tomatinhos e manjericão (R$ 93,00). É páreo para o ossobuco com bolinho de risoto salteado (R$ 88,20). O contrasto (R$ 22,80), feito de uma casquinha de chocolate escuro e frutas vermelhas congeladas, recebe calda quente de chocolate branco e derrete na hora.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Empórios ou mercados gourmet

    Eataly São Paulo

    Avenida Presidente Juscelino Kubitschek, 1489, Vila Nova Conceição

    Tel: (11) 3279 3300

    VejaSP
    12 avaliações

    São 4 500 metros quadrados divididos em três andares e, mesmo com todo esse espaço, há dias em que o Eataly fica parecendo um formigueiro de tanta gente. Isso não acontece por acaso: o shopping gastronômico, com matriz na Itália, tem, entre outros predicados, um estoque de 7 000 produtos, muitos deles difíceis de encontrar por aí. É o caso da farinha de sêmola tipo 00 Clássica Caputo (29,95 o pacote de 1 quilo) e da calda de caramelo Fabbri (R$ 60,99, com 950 gramas). Na seção dedicada aos laticínios, há uma ótima mussarela de búfala de produção própria (R$ 94,20 o quilo da versão grande). Outros setores abrigam frutas, verduras, temperos, massas, vinhos, carnes e pescados, utensílios...Há quem vá só para comer: o endereço também reúne treze pontos de alimentação, entre restaurantes, docerias e cafés.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Drinques

    Terraço Itália - Bar

    Avenida Ipiranga, 344, Centro

    Tel: (11) 2189 2929

    VejaSP
    7 avaliações

    Fica no topo do Edifício Itália e tem status de programa turístico. Apareça à tarde e verá viajantes a fotografar o impressionante skyline da cidade. À noite, o clima é mais romântico, com apresentações diárias de jazz. O ótimo dry martini (R$ 38,00) acompanha a porção mista de pastéis sem bolhas na massa (R$ 36,00), com os recheios de camarão, queijo e palmito. Cobra-se entrada: R$ 30,00.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais

Fonte: VEJA SÃO PAULO