Ensino Superior

Órgão da USP proíbe bebidas e megafestas no câmpus

Se aprovada pela Procuradoria-geral da USP, medida passará a valer no próximo ano

Por: Veja São Paulo

Cidade Universitária de São Paulo
Vista do câmpus da USP: veto a bebidas e a megafestas (Foto: Arquivo Abril)

O Conselho Gestor da Cidade Universitária aprovou na terça-feira (2) documento que proíbe a comercialização e o consumo de bebidas alcoólicas em festas na instituição. O documento também prevê veto à realização de grandes festas no câmpus. Para ter eficácia, a decisão deverá ser aprovada pela Procuradoria-Geral da Universidade de São Paulo, que receberá as proposituras nesta quarta-feira (3). A regulamentação deverá valer a partir de 2015.

Medicina da USP proíbe festas e consumo de bebidas no campus

O relatório é baseado em um documento já colocado em prática na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto. Há previsão de punições a festas ilegais no câmpus. A superintendência de segurança ficará responsável por apurar e abrir sindicâncias para apurar eventuais casos.

+ Confira as últimas notícias

Além disso, o conselho propõe a criação de "espaços de convivência" para três unidades da USP. O espaço seria utilizado para promoção de eventos culturais, abertura de lanchonetes e livrarias, ambas por meio de licitação.

As festas na USP já estavam suspensas desde a morte do estudante Victor Hugo Santos, que teve o corpo encontrado ao lado da raia olímpica da universidade dias após uma festa realizada no velódromo.

(Com Estadão Conteúdo)

Fonte: VEJA SÃO PAULO