Educação

USP Leste atrasa início das aulas para limpar ácaro de pombos

Reservatórios de água e bebedouros tabém tiveram de passar por limpeza depois de relatório da Sabesp

Por: Redação VEJASÃOPAULO.COM

usp leste each
Campus da USP Leste: professores fazem greve depois de notícia de que o terreno estaria contaminado (Foto: Marcos Santos / USP Imagens)

O início das aulas na USP Leste foi adiado para a próxima segunda-feira (13) para que o prédio pudesse passar por uma limpeza. Em dezembro, as aulas terminaram  mais cedo depois que foi noticiada a presença de ácaros de pombos nas dependências da Escola de Artes Ciências e Humanidades (EACH). Também no mês passado, a Companhia de Saneamento Básico de São Paulo (Sabesp) fez um relatório em que recomendava a interdição de bebedouros da universidade porque a água poderia estar turva.

Os ácaros que foram encontrados nas dependências provocam dermatites e alergias, e podem fazer com que as pessoas desenvolvam doenças mais sérias como a criptocose, que pode dar meningite, e a salmonelose.

Segundo a assessoria de imprensa da USP, bebedouros e reservatórios que estavam com água turva já estão liberados. A limpeza do prédio, no entanto, só está 80% concluída, por isso as aulas foram adiadas em uma semana.

Fonte: VEJA SÃO PAULO