Mobilidade

Uber não prejudicou aplicativos de táxi, diz estudo

Análise afirma que houve a conquista de um novo público

Por: Gabriel Bentley - Atualizado em

Uber - Flickr
Cade publica estudo sobre Uber e aplicativos de táxi (Foto: Flickr)

O Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) publicou nesta segunda (14) um estudo que compara o Uber a aplicativos de táxi comum, como 99Taxis e Easy Taxi. De acordo com a análise, o uso dos carros pretos não prejudicou em nada os resultados do número de corridas dos outros programas. Houve, segundo consta no documento, a conquista de um novo público, que não utilizava nenhum serviço de táxi.

+ Contra Uber, Haddad cria táxi mais caro

Ainda segundo o estudo conduzido por Luiz Alberto Esteves, economista-chefe do órgão, não é possível nem mesmo afirmar que o Uber e os serviços prestados por aplicativos como o 99Taxis e Easy Taxi estejam em uma mesma categoria.

+ Confira as últimas notícias da cidade

Em outubro de 2015, o Cade se colocou à disposição da prefeitura para ajudar na etapa de pesquisas para regulamentação do serviço dos táxis pretos. A assessoria do Uber afirma que a análise é uma forma de pressionar a prefeitura por uma resposta à resolução da situação do serviço.

Fonte: VEJA SÃO PAULO