Natal

Traço mágico parecia TV, diz Tulipa Ruiz sobre brinquedo da infância

Cantora e ilustradora relembra de presente que ganhou do pai aos 7 anos

Por: Redação VEJA SÃO PAULO

Tulipa Ruiz
A cantora Tulipa Ruiz, que elegeu o Traço Mágico como brinquedo da infância (Foto: Divulgação)

“Quando não estava brincando nas ruas de São Lourenço, cidade de Minas Gerais onde passei a minha infância, eu gostava de ficar em casa com o traço mágico, um brinquedo de criar desenhos, que parecia uma minitelevisão. Ganhei de presente do meu pai no meu aniversário de 7 anos. A diversão era compor figuras girando dois botões nas laterais da tela e, em seguida, fazer desaparecê-las, chacoalhando o objeto. A única limitação da brincadeira é que só era possível desenhar em linhas retas. Lembro de uma vez que pressionei os dois botões ao mesmo tempo e consegui traçar curvas. Achei aquela descoberta o máximo! Até no dia que o brinquedo quebrou foi emocionante, pois dentro dele tinha um pó prateado que se espalhou pela casa toda. Foi como se tivesse desvendado o segredo da engenhoca. Recentemente, tive mais uma surpresa com o traço mágico. O meu irmão encontrou uma miniatura durante uma viagem e trouxe de lembrança para mim”. Tulipa Ruiz, 34, cantora e ilustradora

Fonte: VEJA SÃO PAULO