Cinema

Sexta (08)

É Tudo Verdade: confira a programação do dia e as sinopses dos filmes

Por: Camila Taira - Atualizado em

É tudo verdade - santoscópio
'Santoscópio = Dumontagem': filme experimental de 15 minutos (Foto: Divulgação)

+ Veja programação completa do festival É Tudo Verdade

CINE LIVRARIA CULTURA – SALA 1

15h00 – “Dois Tempos”, de Dorrit Harazim e Arthur Fontes (BRA, 2010).

Reencontrando personagens focalizados em outro documentário, há uma década, os diretores atualizam a visão da nova classe média brasileira, através do perfil de uma família moradora da Vila Brasilândia paulistana. COMPETIÇÃO BRASILEIRA - LONGAS

17h00Exibição de curtas (COMPETIÇÃO BRASILEIRA)

“Coutinho Repórter”, de Rena Tardin (BRA, 2010).

Uma conversa com o cineasta Eduardo Coutinho sobre sua experiência na equipe do programa “Globo Repórter”, realizando documentários de cunho social em plena ditadura.

“Palavra Plástica”, de Leo Falcão (BRA, 2010).

Vinte artistas se reúnem para uma homenagem a Carlos Pena Filho, poeta morto prematuramente, há 50 anos.

“Entre Vãos”, de Luísa Caetano (BRA, 2010).

Comunidade remanescente quilombola, Vão das Almas (GO) procura conciliar uma história baseada na tradição ao mesmo tempo que elabora estratégias para o futuro.

“São Silvestre”, de Lina Chamie (BRA, 2011).

A corrida de rua mais famosa da América Latina, que acontece no dia 31 de dezembro, em São Paulo, é radiografada do ponto de vista dos atletas. O que os move nesta travessia?

“O Filme que Fiz para não Esquecer”, de Renato C. Gaiarsa (BRA,2010).

Flagrantes instantâneos da memória de um romance.

19h00 – Exibição do curta “Santoscópio = Dumontagem”, seguido de “Santos Dumont: Pré-Cineasta?”, ambos de Carlos Adriano.

“Santoscópio = Dumontagem” (BRA, 2010)

Filme experimental de reapropriação de arquivo sobre o filme-mutoscópio "Santos Dumont Explaining his Airship to the Hon. C.S. Rolls" (1901), que mostra um breve encontro entre os aviadores Alberto Santos Dumont e Charles Stewart Rolls – futuro cofundador da fábrica de automóveis Rolls-Royce. PROGRAMAS ESPECIAIS

“Santos Dumont: Pré-Cineasta?” (BRA, 2010)

Este documentário parte da descoberta e restauração de um raro e desconhecido carretel de fotografias reproduzidas de um filme mutoscópio, produzido em 1901, em Londres, sobre Santos Dumont (1873-1932). A obra aborda aspectos históricos e artísticos dos primórdios do cinema e do cinema de reapropriação de arquivo (found footage).

21h00 – “Assim É, Se lhe Parece”, de Carla Gallo (BRA, 2010).

Um perfil do artista plástico Nelson Leirner, sua intimidade e suas crenças. COMPETIÇÃO BRASILEIRA - LONGAS

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL

13h00 – “O Império do Centro-Sul”, de Jacques Perrin e Eric Deroo (FRA, 2009).

Usando como fonte diversos materiais de arquivo, o filme mergulha poética e epicamente na história da antiga Indochina francesa, formada pelo Vietnã, Camboja e Laos. COMPETIÇÃO INTERNACIONAL - LONGAS

15h00 – “Black Power Mixtape”, de Göran Hugo Olsson (SWE, 2011).

Um mergulho na história do movimento negro dos EUA a partir de um rico material de arquivo da TV sueca. Lançado no último Sundance Festival, o filme apresenta comentários de líderes da luta pelos direitos civis nos EUA dos anos 60 e 70, como Angela Davis, e de artistas engajados contemporâneos, como Spike Lee.

17h00 Exibição da RETROSPECTIVA BRASILEIRA: POESIA É VERDADE

“Hi-Fi”, de Ivan Cardoso (BRA, 1999).

O movimento concretista é revisitado por um de seus maiores nomes, Augusto de Campos.

“Uma Outra Cidade”, de Ugo Giorgetti (BRA, 2000).

Roberto Piva, Cláudio Willer, Jorge Mautner, Rodrigo de Haro e Antônio Fernando de Franceschi compartilham suas visões da São Paulo dos anos 50 e 60.

19h00 – “A Casa da Rua Arbat”, de Marina Goldovskaya (FRA/RUS, 1993).

Uma síntese da história russa no século XX surge das memórias de residentes e de material de arquivo sobre uma casa que passou de moradia da aristocracia a alojamento coletivo depois da Revolução de 1917. RETROSPECTIVA INTERNACIONAL: MARINA GOLDOVSKAYA

CINEMATECA – SALA BNDES

18h00 – “Vinicius”, de Miguel Faria Jr. (BRA, 2005).

As muitas faces do poeta e compositor Vinicius de Moraes são reveladas por entrevistas e diversas imagens de arquivo. RETROSPECTIVA BRASILEIRA: POESIA É VERDADE

20h00 – “O Príncipe Está de Volta”, de Marina Goldovskaya (FRA/DEU, 2000).

Crônica do sonho e da luta do príncipe Eugene Meshersky para restaurar o castelo e a glória de sua família, nos arredores de Moscou. RETROSPECTIVA INTERNACIONAL: MARINA GOLDOVSKAYA

Fonte: VEJA SÃO PAULO