Cinema

Quinta (07)

É Tudo Verdade: confira a programação do dia e as sinopses dos filmes

Por: Camila Taira - Atualizado em

É tudo verdade - Gretchen
A rainha do rebolado nas telonas: 'Gretchen Filme Estrada' (Foto: Divulgação)

+ Veja programação completa do festival É Tudo Verdade

CINE LIVRARIA CULTURA – SALA 1

15h00 – “Vale dos Esquecidos”, de Maria Raduan (BRA, 2010).

A história da longa e sangrenta disputa pela terra no território antes ocupado pela fazenda Suiá-Missu (MT), que na década de 70 era considerada o maior latifúndio do Brasil. COMPETIÇÃO BRASILEIRA - LONGAS

17h00 – Exibição de curtas (COMPETIÇÃO BRASILEIRA)

“A Poeira e o Vento”, de Marcos Pimentel (BRA, 2011).

O cotidiano de um pequeno vilarejo mineiro, nas imediações do Parque Estadual de Ibitipoca.

“Braxília”, de Danyella Proença (BRA, 2011).

Uma viagem por Brasília com o poeta Nicolas Behr.

“Hoje tem Alegria”, de Fabio Meira (BRA, 2010).

Os pequenos circos do Norte e Nordeste, sua rotina e seus dilemas, longe dos grandes centros.

“Meia Hora com Darcy”, de Roberto Berliner (BRA, 2010).

Um depoimento histórico, em tempo real, sem cortes, do antropólogo e político Darcy Ribeiro, filmado em dezembro de 1996, dois meses antes de sua morte.

19h00 – “O Gosto Amargo da Liberdade”, de Marina Goldovskaya (USA, 2011).

A cineasta recupera a figura da combativa jornalista Anna Politkovskaya, sua ex-aluna na universidade de Moscou que foi assassinada em 2006, aos 48 anos.

21h00 – “Dois Tempos”, de Dorrit Harazim e Arthur Fontes (BRA, 2010).

Reencontrando personagens focalizados em outro documentário, há uma década, os diretores atualizam a visão da nova classe média brasileira, através do perfil de uma família moradora na Vila Brasilândia paulistana.

 

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL

13h00 – “Loucasmulheres”, de Maria Elena Wood (CHL, 2010).

A abertura de arquivos desconhecidos da poeta Gabriela Mistral revelam aspectos inéditos da personalidade da vencedora do Prêmio Nobel de Literatura em 1945. COMPETIÇÃO INTERNACIONAL - LONGAS

15h00 – “A Onda Verde”, de Ali Samadi Ahadi (DEU, 2010).

Recorrendo a testemunhos diretos, postagens em blogs, no Twitter e Facebook e também à animação, o cineasta iraniano, radicado na Alemanha, reconstitui o clima das eleições presidenciais no Irã em 2009. COMPETIÇÃO INTERNACIONAL - LONGAS

17h00 – Exibição da RETROSPECTIVA BRASILEIRA: POESIA É VERDADE

“Poesia É uma ou Duas Linhas e por Trás uma Imensa Paisagem”, de João Moreira Salles (BRA/FRA, 1990).

Uma homenagem à poeta Ana Cristina César, através da evocação de trechos de seus poemas e dos autores que admirava.

“Assaltaram a Gramática”, de Ana Maria Magalhães (BRA, 1984).

Antecipando a linguagem do videoclipe, traça-se o perfil dos poetas Paulo Leminsky, Chacal, Francisco Alvim e Waly Salomão, com participações de outros artistas.

“Pan-Cinema Permanente”, de Carlos Nader (BRA, 2007).

Retrato sem retoques do poeta e compositor baiano Waly Salomão, grande vencedor da competição brasileira do É Tudo Verdade 2007.

19h00 – “A Sorte de Nascer na Rússia”, de Marina Goldovskaya (FRA/RUS, 1994).

Um insight humano nos acontecimentos na Federação Russa em 1993, quando conflitos étnicos e separatistas lançaram incerteza sobre seu futuro. RETROSPECTIVA INTERNACIONAL: MARINA GOLDOVSKAYA

 

CINEMATECA – SALA BNDES

18h00 Exibição da RETROSPECTIVA BRASILEIRA: POESIA É VERDADE

“O Fazendeiro do Ar”, de Fernando Sabino e David Neves (BRA, 1974).

Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) se apresenta de corpo inteiro, por ele mesmo.

“Recife/Sevilha, João Cabral de Melo Neto”, de Bebeto Abrantes (BRA, 2003).

Viagem poética pelas duas cidades de referência do poeta pernambucano João Cabral de Melo Neto.

“Caramujo-Flor”, de Joel Pizzini (BRA, 1988).

Através de uma colagem de fragmentos visuais e sonoros, produz-se uma imersão na poesia múltipla do poeta matogrossense Manoel de Barros.

20h00 – “Anatoly Rybakov: A História Russa”, de Marina Goldovskaya (USA/RUS, 1994).

O autor de “As Crianças do Arbat.”, que foi perseguido pelo stalinismo, rememora sua vida e a história de seu país. RETROSPECTIVA INTERNACIONAL: MARINA GOLDOVSKAYA

 

RESERVA CULTURAL - SALA 2

15h00 – Exibição de curtas (COMPETIÇÃO INTERNACIONAL)

“Menos Dois”, de Mohammad Ehsani (IRN, 2010).

O uso do ecstasy entre os jovens iranianos experimenta grande crescimento, tornando-se cada vez mais comum em festas, que também acontecem clandestinamente num país fechado e autocrático.

“Primeiras Trevas”, de Denise Wyllie e Clare O Hagan (GBR, 2010).

O filme acompanha a jornada de readaptação de uma artista, usando a expressão na pintura para recuperar-se de uma grande depressão.

“O Desejo da Aldeia Chang Hu”, de Huaqing Jin (CHN, 2010).

Crônica da vida de uma família, habitante da aldeia de Changhu, no oásis de Minqin. O oásis, que constitui uma barreira natural à desertificação no noroeste da China, no entanto, corre o risco de desaparecer.

“Inventário”, de Pawel Lozinski. (POL, 2010).

Pesquisadores esquadrinham as inscrições das lápides de um grande cemitério judeu de Varsóvia, buscando a recuperação da memória, da identidade e a reconstrução de um passado recente.

“Viagem a Cabo Verde”, de José Miguel Ribeiro (PRT, 2010).

Crônica de uma viagem muito livre pelos caminhos de Cabo Verde, abandonando o celular, o relógio e os planos e reduzindo a bagagem ao mínimo essencial.

17h00 – “Futebol de Várzea”, de Marc Doourdin (BRA, 2010).Um retrato do esporte amador a partir da história e dos bastidores de um tradicional time de várzea da zona leste paulistana, o Boa Esperança, fundado há 30 anos. ESTADO DAS COISAS

19h00 – “Terra da Oportunidade”, de Luisa Dantas (USA, 2010)

A diretora brasileira confere os desafios da reconstrução da cidade de Nova Orleans, severamente atingida pelo furacão Katrina, um processo que conta com a participação de vários imigrantes, inclusive brasileiros. O ESTADO DAS COISAS

21h00 – “Cinema Komunisto”, de Mila Turajlic (SRB, 2010).

Uma análise da ideologia e das ilusões do regime comunista iugoslavo a partir da recuperação da história de seu cinema, patrocinado e estimulado pelo antigo ditador e cinéfilo Josep Broz Tito. COMPETIÇÃO INTERNACIONAL - LONGAS

 

CINEMARK SHOPPING ELDORADO – SALA 7

19h30 – “Gretchen Filme Estrada”, de Eliane Brum e Paschoal Samora (BRA, 2010).

Há 30 anos rainha do rebolado, em 2006 Gretchen tentou uma candidatura como prefeita.

Fonte: VEJA SÃO PAULO