Cinema

Segunda (04)

É Tudo Verdade: confira a programação do dia e as sinopses dos filmes

Por: Camila Taira - Atualizado em

Hoje tem alegria- é tudo verdade
'Hoje tem Alegria': curta integra a competição brasileira no Cine Livraria Cultura (Foto: Divulgação)

+ Veja programação completa do festival É Tudo Verdade

CINE LIVRARIA CULTURA – SALA 1

15h00 – “Aterro do Flamengo”, de Alessandra Bergamaschi (BRA, 2010).

Uma câmera estática capta, em tempo real, uma cena urbana e as diversas reações dos transeuntes a um episódio inusitado. COMPETIÇÃO BRASILEIRA - LONGAS

17h00 – Exibição de curtas

“A poeira e o vento”, de Marcos Pimentel (BRA, 2011).

O cotidiano de um pequeno vilarejo mineiro, nas imediações do Parque Estadual de Ibitipoca. COMPETIÇÃO BRASILEIRA - CURTAS

“Braxília”, de Danyella Proença (BRA, 2010).

Uma viagem por Brasília junto com o poeta Nicolas Behr.

“Hoje tem Alegria”, de Fabio Meira (BRA, 2010).

Os pequenos circos do Norte e Nordeste, sua rotina e seus dilemas, longe dos grandes centros.

“Meia Hora com Darcy”, de Roberto Berliner (BRA, 2010).

Um depoimento histórico, em tempo real, sem cortes, do antropólogo e político Darcy Ribeiro, filmado em dezembro de 1996, dois meses antes de sua morte.

19h00 – “Homem Erótico”, de Jørgen Leth (DNK, 2010).

Filmando em diversos países, inclusive no Brasil, o cineasta e escritor dinamarquês Jrgen Leth (“As Cinco Obstruções”) investiga a experiência humana do erotismo, a partir das próprias vivências. PROGRAMAS ESPECIAIS

21h00 – “Carne, Osso”, de Caio Cavechini e Carlos Juliano Barros (BRA, 2010).

Um mergulho no assustador mundo nos frigoríficos brasileiros, denunciando condições precárias, riscos e danos à saúde de seus trabalhadores. COMPETIÇÃO BRASILEIRA – LONGAS

23h00 – “27 Cenas Sobre Jørgen Leth”, de Amir Labaki (BRA, 2008).

Retrato da carreira do diretor dinamarquês, que realizou 45 filmes, incluindo curtas conceituais, ensaios antropológicos, filmes de esporte, perfis e diários de viagem. O filme também aborda a parceria de Leth com Lars von Trier em "Cinco Obstruções" (2003).

 

CINEMATECA – SALA BNDES

16h00 – “São Miguel do Gostoso”, de Eugênio Puppo (BRA, 2010).

Os desafios da explosão do turismo e da explosão imobiliária num dos mais procurados balneários do Brasil, no Rio Grande do Norte. O ESTADO DAS COISAS

18h00 – “Cintilante”, de Gabriel Szollosy (URY, 2011).

Veterano guarda costeiro, Horacio Zipitría reencontra as raízes de seu passado ao participar de uma missão de paz da ONU no Congo, terra natal de seu avô. FOCO LATINO-AMERICANO

20h00 – “O Espelho Estilhaçado”, de Marina Goldovskaya (FRA/RUS, 1992).

As grandes mudanças que sacudiram a antiga URSS são analisadas por um olhar profundamente pessoal da diretora. RETROSPECTIVA INTERNACIONAL: MARINA GOLDOVSKAYA

RESERVA CULTURAL - SALA 2

13h00 – “Cintilante”, de Gabriel Szollosy (URY, 2011).

Veterano guarda costeiro, Horacio Zipitría reencontra as raízes de seu passado ao participar de uma missão de paz da ONU no Congo, terra natal de seu avô. FOCO LATINO-AMERICANO

15h00 – Exibição dos curtas (COMPETIÇÃO INTERNACIONAL)

“Se Sobrevivemos”, de Juliana Fanjul (CUB, 2010).

O peculiar cotidiano das mulheres residentes numa casa de idosos em Havana.

“Fora do Alcance”, de Jakub Stozek (POL, 2010).

Criadas por um pai dominador, as irmãs Karolina e Natalia procuram reconstruir sua identidade e reencontrar a mãe, que não veem há 14 anos e hoje vive em Paris.

“Rosto”, de Adele Wilkes (AUS, 2010).

O documentário foca a intimidade das pessoas por trás de “Beautiful Agony”, um projeto colaborativo de arte, que explora a diversidade da sexualidade humana.

“Muros”, de Hayoun Kwon (FRA, 2010).

Uma artista coreana volta ao seu país, confrontando as verdades escondidas sobre a invasão japonesa de 1910.

17h00 – “Angst”, de Graça Castanheira (PRT, 2010).

A cineasta portuguesa investiga as razões pelas quais a espécie humana, que domina o planeta sem predadores, não foi capaz ainda de afirmar sua superioridade com um desenvolvimento equilibrado e sustentável. O ESTADO DAS COISAS

19h00 – “As Batidas do Samba”, de Bebeto Abrantes (BRA, 2010).

A evolução da batida do samba carioca desde o início do século XX é o tema deste filme, guiado por mestres como Marçalzinho, Monarco e Wilson das Neves. O ESTADO DAS COISAS

21h00 – “O Prédio dos Chilenos”, de Macarena Aguiló, Susana Foxley (co-diretora) (FRA/CHL/CUB/NLD, 2010)

Um olhar intimista e político sobre o Projeto Hogares (Lares), quando militantes do MIR (Movimiento de Izquierda Revolucionaria) assumiram a tarefa de cuidar, em Cuba, dos filhos de companheiros que voltaram ao Chile para tentar derrubar a ditadura de Augusto Pinochet, no final da década de 1970. COMPETIÇÃO INTERNACIONAL - LONGAS

 

CINEMARK SHOPPING ELDORADO – SALA 7

19h30 – “Filhos de João, Admirável Mundo Novo Baiano”, de Henrique Dantas (BRA, 2009).

A retrospectiva apresenta a carreira do grupo Novos Baianos, entre 1960 e 1970. O filme mostra o estilo peculiar de vida de seus integrantes e a influência de João Gilberto no som da banda.

Fonte: VEJA SÃO PAULO