Mistérios da Cidade

Triptyque passa a integrar coleção do Centro Georges Pompidou

Agência de arquitetura engrossa lista que possui nomes como Oscar Niemeyer e Vilanova Artigas

Por: REDAÇÃO VEJA SÃO PAULO

Triptyque - Colombia 325
Colombia 325: casa construída na rua de mesmo nome fica nos Jardins (Foto: Leonardo Finotti)

Após um processo seletivo que durou quase um ano, a agência de arquitetura Triptyque passou a engrossar o time de brasileiros que integram a coleção do museu francês Centro Georges Pompidou, ao lado de nomes como Oscar Niemeyer e Vilanova Artigas. Um dos dois projetos escolhidos para o acervo é o Colômbia 325, uma casa contruída em 2007 na rua de mesmo nome, nos Jardins.

+ Confira a agenda de exposições na cidade

Na residência, chama atenção a fachada composta de lâminas de madeira encurvada, um trabalho tão delicado que teve de ser encomendado a marceneiros especializados no sul do país. O mesmo cuidado recebeu a maquete, que será enviada a Paris: foi executada por um lutier, artesão de instrumentos musicais. O outro projeto incluído é Inhotim, uma proposta ainda não realizada para um novo centro de visitantes no instituto de arte contemporânea de Brumadinho (MG). Construído como uma caverna, ele aproveita o desnível do solo e, assim, valoriza a área de Mata Atlântica ao seu redor.

Fonte: VEJA SÃO PAULO