Bares

Terraza Clos de Tapas: 'sacrifício' que vale a pena

O disputado restaurante em Moema oferece caprichada seleção de comes e bebes

Por: Luiz Henrique Ligabue - Atualizado em

IMG_2269
Casual chique: o deque de madeira dá o clima de lounge (Foto: Ricardo D'Angelo)

Este lugar para poucos, de apenas quatro mesas, pede cuidados extras na hora de planejar a sagrada saidinha noturna. Ainda mais nas disputadas noites de sexta e sábado, quando arrumar uma vaguinha por ali é missão quase impossível. Isso porque, com o restaurante Clos de Tapas lotado, muita gente desiste de jantar e fica nesta varanda, debaixo dos ombrelones, rodando uma taça de champanhe (Veuve Clicquot Brut; R$ 49,00) e petiscando. Mas o “sacrifício” vale a pena.

A caprichada seleção de comes e bebes que circulam por aqueles parcos metros quadrados merece elogios. Assim que se sentar, peça a carta completa de drinques. Ela lista quase 100 opções, entre coquetéis e preciosidades, como Johnnie Walker Platinum (R$ 63,80 a dose) ou o bloody mary (R$ 21,90), feito com vodca Ketel One e finalizado com sal de aipo. Macias por dentro, levemente crocantes por fora, as lulas empanadas em fécula de batata (R$ 15,00) vêm acompanhadas por maionese de cambuci — o azedo da frutinha da Mata Atlântica quebra a untuosidade da fritura. Uma delícia.

Bebidas ✪✪✪✪ | Ambiente ✪✪✪ | Cozinha ✪✪✪✪

Fonte: VEJA SÃO PAULO