PASSEIOS

Fila para subir ao mirante do Terraço Itália é longa

Pouco antes da abertura da visitação, mais de quarenta pessoas aguardavam na fila nesta quarta (6); a partir de amanhã, haverá distribuição de senhas

Por: Saulo Yassuda - Atualizado em

Terraço Itália - Edifício Itália
Fila para visitar o Terraço Itália (Foto: Saulo Yassuda)

Reaberto na terça (5) para visitação do público, o mirante do restaurante Terraço Itália, no centro, já tem filas de espera. Depois de um período fechado, o espaço voltou a receber o público de forma gratuita entre as 16h e as 17h de segunda a sexta (exceto em feriados).

+ Após incêndio, mirante do Terraço Itália reabre para visitação

As visitas estavam suspensas desde outubro. No dia 3 daquele mês, parte do restaurante foi atingida por um incêndio. A chamada Sala Nobre do estabelecimento reabriu reformada só em 19 de dezembro.

Nesta quarta (6), às 15h40, pouco antes da abertura para visitantes, mais de quarenta pessoas já aguardavam para ir ao 41º andar do prédio. O mirante, com vista para boa parte da cidade, é um dos pontos turísticos mais famosos da capital.

Terraço Itália - Sala Nobre
O ambiente do restaurante (Foto: Divulgação )

Segundo a administração do restaurante, subiram nesta quarta (6) 350 pessoas ao topo do prédio -- em dias normais, passam por lá cerca de 100 pessoas. A partir de quinta (7), serão distribuídas senhas apenas aos 150 primeiros da fila. Grupos de no máximo trinta pessoas podem observar a vista e tirar fotos por um período de até 15 minutos.

ALTERNATIVAS

Para observar o skyline da cidade em outros horários, deve-se almoçar ou jantar no restaurante, um dos mais caros da metrópole. Gasta-se, em geral, mais de 220 reais por pessoa em uma refeição completa. Com tíquete médio mais em conta, o bar da cobertura cobra entrada -- são 35 reais por cabeça.

+ Bares para ir a dois

Guardadas as proporções, a ida ao Terraço Itália equivale à visita ao Empire State Building e ao Top of The Rock, atrações famosíssimas em Nova York. Para subir nesses prédios estrangeiros, pagam-se o equivalente a 130 reais por cabeça em cada um. 

Terraço Itália - Edifício Itália
Mais de quarenta pessoas aguardam para subir ao Edifício Itália (Foto: Saulo Yassuda)

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO