Religião

Construção do bispo Edir Macedo inflaciona o preço de imóveis

Apartamentos em prédios vizinhos do futuro templo são vendidos por até 470 mil reais

Por: João Batista Jr. - Atualizado em

Vidago - Templo de Salomão
O Vidago: a Universal tem 75% do prédio (Foto: Lucas Lima)

A Universal vem adquirindo várias propriedades no Brás ao redor do seu novo templo. Entre outros imóveis, já comprou trinta das quarenta unidades do Edifício Vidago, na Avenida Celso Garcia. Em 2007, a igreja pagou 95.000 reais por um apartamento de 90 metros quadrados no prédio. Em 2011, desembolsou 470.000 por outro com as mesmas características. Agora, os últimos moradores pedem 2 milhões para entregar as chaves.

Na região, um apartamento parecido sai por até 250.000 reais. A disposição para fechar negócios rapidamente inflacionou também outros endereços ao redor. “Eles me oferecem 1,5 milhão de reais, mas daqui só saio por 2 milhões”, afirma Braulino Pereira, dono de um sobrado de 220 metros quadrados.

Um estacionamento de esquina, de 7.000 metros de área, está sendo negociado por 12 milhões de reais.

+ Novo templo da Igreja Universal causa imbróglio com a Receita Federal

+ Confira imagens aéreas do Templo de Salomão

Fonte: VEJA SÃO PAULO