Cidade

Suspeita de bomba fecha rua na República na tarde desta quinta

Esquadrão da PM foi chamado para averiguar mala deixada na Rua Barão de Campinas

Por: Mariana Zylberkan - Atualizado em

Rua Barão de Campinas, centro
Rua Barão de Campinas foi interditada nesta quinta (28) para verificação de suspeita de bomba (Foto: Reprodução)

A Polícia Militar interditou um trecho na esquina entre as ruas Barão de Campinas e General Osório, na República, região central da capital, por causa de uma ameaça de bomba. Segundo a corporação, uma mala grande foi abandonada no local. O esquadrão antibombas foi chamado para averiguar o artefato.

+ As últimas notícias da capital

Apesar do susto, foi encontrado apenas um amontoado de roupas dentro da mala. De acordo com a PM, o proprietário teria abandonado temporariamente o objeto para resolver problemas pessoais nas imediações. 

No último domingo (24), um objeto deixado na Estação da Luz, no centro, despertou a desconfiança de pedestres. Acionada, a PM isolou a área para que um grupo analisasse o objeto com segurança. Uma equipe do Corpo de Bombeiros também foi enviada ao local, por precaução. Constatou-se que o objeto na verdade era um cilindro vazio e, segundo informações da polícia, não apresentava riscos.

Após descartar a possibilidade do objeto não identificado tratar-se de uma bomba, a PM liberou o local.

Situação parecida ocorreu na madrugada do último dia 20, quando a PM fechou um trecho da Alameda Ministro Rocha Azevedo, próximo à Avenida Paulista, na Bela Vista. A verificação de uma maleta abandonada foi realizada por meio de um robô, que encontrou apenas amostras de tapetes e pedaços de tecido em seu interior.

Fonte: VEJA SÃO PAULO