Exposições

A vez das câmeras em exposição na "SP Arte/Foto"

A sexta edição da feira reúne obras de 22 galerias no Shopping JK Iguatemi

Por: Jonas Lopes - Atualizado em

Claudio Edinger SP Arte
Downtown Los Angeles, de Claudio Edinger: à venda pela Galeria Arte 57 (Foto: Divulgação)

Em alta no Brasil, a fotografia ganha destaque na agenda cultural da cidade com a abertura da sexta edição da SP Arte/Foto, braço dedicado ao gênero da feira idealizada pela colecionadora Fernanda Feitosa. Neste ano, integram a seleção 22 galerias: dezesseis de São Paulo, três do Rio de Janeiro, uma de Minas Gerais, uma do Paraná e uma dos Estados Unidos.

Casas tradicionais, a exemplo da Millan e da Vermelho, que não participaram em 2011, voltam a figurar entre os expositores. Mas a principal novidade é a mudança de endereço — migrou do Shopping Iguatemi para o recém-inaugurado Shopping JK Iguatemi, onde ocupará um andar do espaço de eventos e também o terraço, com vista para a Marginal Pinheiros.

Romy Pocztaruk SP Arte
Imagemda série Tropical, de Romy Pocztaruk: no estandeda Central Galeria (Foto: Divulgação)

Fernanda aponta dois sinais latentes do prestígio da fotografia por aqui: a notável seleção da 30ª Bienal (August Sander, Horst Ademeit e Hans Eijkelboom, entre outros) e a criação, no ano passado, de uma revista dedicada exclusivamente às câmeras — a ZUM, do Instituto Moreira Salles. O editor da publicação, Thyago Nogueira, mediará debates abertos ao público com nomes importantes, como Caio Reisewitz, Mauro Restiffe e Claudia Andujar. “O mundo está cada vez mais imagético, daí a força das fotos como meio de comunicação e expressão”, diz ela. “Tratase de uma linguagem próxima dos jovens, sobretudo agora, na era do Instagram.” 

+ Veja galeria de fotos com obras exibidas na feira

Quem visitar o evento poderá, além de comprar obras a preços mais acessíveis do que os de pinturas, ter contato com uma constelação de artistas. Há desde ícones do modernismo, (Thomaz Farkas, German Lorca) até figuras reveladas a partir da década de 70 (Maureen Bisilliat, Claudio Edinger). Não ficaram de fora as principais revelações recentes, caso de Sofia Borges, Ding Musa e do coletivo Cia de Foto.

Fonte: VEJA SÃO PAULO