Mistérios da Cidade

Simulador de queda livre é atração em shopping nas férias

Desenvolvido por alunos do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) é a atração de verão do Shopping D, no Pari

Por: Mauricio Xavier [Com reportagem de Júlia Gouveia, Nathalia Zaccaro e Silas Colombo] - Atualizado em

Simulador de queda livre
Simulador de queda livre, no Shopping D (Foto: Divulgação)

Um simulador de queda livre desenvolvido por alunos do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) é a atração de verão do Shopping D, no Pari. Trata-se de um equipamento que permite vivenciar a experiência de um salto de paraquedas sem precisar atirar-se de um avião. No caso, a pessoa entra em um túnel de vento e é soprada a uma velocidade de 250 quilômetros por hora.

Funciona com duas turbinas semelhantes às de um jato, com potência equivalente a 900 cavalos. Além do público em geral, o equipamento tem sido utilizado por profissionais de escolas de paraquedismo para aprimorar sua técnica. Um “voo” de dois minutos, acompanhado de instrutor, custa 65 reais. A idade mínima para curtir o brinquedo é 4 anos.

Chefs consagrados vendem seus pratos na rua

Conheça a nova Praça das Tartarugas, em Pinheiros

+ Partido Pirata do Brasil luta por transparência de dados políticos

Fonte: VEJA SÃO PAULO