Shows

Após cancelar show, Daniel Johnston se apresenta no Beco 203

Idolatrado músico underground americano mostra a sua obra de tom melancólico na sexta (26)

Por: Carol Pascoal - Atualizado em

Daniel Johnston
O cantor e compositor: ídolo de vários ídolos (Foto: Mark Fellman)

Não é uma tarefa simples trazer o cantor e compositor Daniel Johnston, de 52 anos, ao Brasil. Ícone da música underground americana (e ídolo de muitos ídolos, a exemplo de Kurt Cobain), o músico ficou recluso nos últimos anos pelo fato de sofrer de transtorno bipolar e esquizofrenia.

Em março, ele faria a sua primeira turnê pela América Latina, mas, quando chegou ao aeroporto de Houston, ficou, segundo um comunicado oficial, “confuso, aparentando insegurança e febre”, o que resultou no cancelamento das apresentações. Reagendada, a exibição deve ocorrer na sexta (26), no Beco 203.

Em 2005, Johnston teve a sua vida imortalizada em The Devil and Daniel Johnston, um documentário que elucida o motivo pelo qual as suas canções são carregadas de melancolia, como comprovam as faixas Go, Some Things Last a Long Time e Devil Town.

O show por aqui será dividido em três partes. Ele abre a noite ao piano junto de um guitarrista. Em seguida, divide as atenções com Brett Hartenbach (violão). Para encerrar, a banda completa sobe ao palco.

Fonte: VEJA SÃO PAULO