Memória

Empresário da noite Sergio Kalil morre aos 49 anos

Missa em sua memória será realizada na próxima segunda-feira (4), na Igreja da Consolação, às 19h

Por: Redação VEJASAOPAULO.COM - Atualizado em

Sergio Kalil
O empresário Sergio Kalil: paulistano criou clubes icônicos como Gent's e Mad Queen (Foto: Paulo Madjarof)

O empresário paulistano Sergio Kalil, figura importante no crescimento da noite GLS na cidade, morreu na última sexta-feira (25), aos 49 anos, vítima de uma complicação renal.

A notícia foi divulgada nesta terça (29) pelo DJ André Pomba em seu blog e página no Facebook. “Dizem que ele não queria velório nem divulgação da sua morte. Mas ao que tudo indica ele faleceu vítima de falência múltipla de órgãos, devido a um problema renal”, explica. 

Kalil começou na cena noturna como diretor artístico dos clubes Corintho e Gent’s, e fez seu nome à frente das casas Level, a B.A.S.E., Planet Mix, Diesel, Mad Queen e SK, entre outras. Uma das investidas mais recentes do empresário foi a boate Freak, no Itaim, que funcionou durante menos de seis meses no Itaim, e a Central Club, no Largo do Paissandu, que nunca chegou a abrir.

Performers, DJs e produtores conhecidos da noite deram seu primeiro passo em alguma pista comandada por ele. É o caso da drag Silvetty Montilla. “Foi um baque para mim. Se hoje eu sou Silvetty, se estou na noite há 26 anos, devo isso a ele. Ele fez parte da minha história”, conta a artista emocionada à VEJASAOPAULO.COM por telefone. Durante sua trajetória, Silvetty trabalhou com Kalil nas casas Gent’s, Mad Queen e Level.

Amigos planejam uma missa em sua memória na próxima segunda-feira (4), às 19h, na Igreja da Consolação, na região central da cidade. 

Kaká di Polly, Sergio Kalil e Dimmy Kieer
Kaká di Polly, Sergio Kalil e Dimmy Kieer: primórdios da noite GLS paulistana (Foto: Reprodução)

Fonte: VEJA SÃO PAULO