Retrospectiva

O ano retratado por seus protagonistas

Roberto Carlos, Rachel Sheherazade, David Luiz, Silvio Santos, MC Gui e outros nomes que “causaram” nos últimos doze meses

Por: João Batista Jr., Juliana Deodoro, Nataly Costa e Daniel Bergamasco [Colaboraram Arnaldo Lorençato, Ana Carolina Soares e Meriane Morselli] - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Em 2014, a cidade foi sede de Copa do Mundo, viu filas gigantescas nas exposições e tentou entender os “rolezinhos”. Um elemento, porém, uniu todos esses fatos: as milhões de selfies (o nome da moda para autorretratos) registraram os melhores (e piores...) momentos do ponto de vista de seus protagonistas, famosos ou anônimos.

+ Confira os vencedores da votação dos melhores e piores do ano

Na capa de retrospectiva, VEJA SÃO PAULO separou algumas dessas imagens e conta não só o que passou, mas os planos para 2015 dos nomes que marcaram os últimos doze meses.

Rachel Sheherazade, a jornalista proibida de fazer comentários nos telejornais do SBT, aguarda a concretização do novo projeto prometido por Silvio Santos. O patrão, por outro lado, se empenhava perto do Natal na contratação do novo presidente da Jequiti, depois que ficou decidido pela saída de Lásaro do Carmo Jr., de quem as filhas Abravanel não sentirão saudades.

+ Confira as frases que marcaram 2014

Na TV paulistana, porém, ninguém mobilizou tantas atenções quanto o trio de celebridades gastronômicas convertidos em jurados do MasterChef, da Band: Erick Jacquin, Paola Carosella e Henrique Fogaça se tornaram memes no reality show culinário, com segunda temporada garantida.

+ Gourmetômetro: as comidas que mudaram de status em 2014

A lista de destaques vai longe: do funkeiro MC Gui, cantor mais buscado no Google em 2014, ao bispo Edir Macedo, que contabilizou 2 milhões de visitantes no Templo de Salomão. Do jogador David Luiz ao André Sturm, que agitou o Museu da Imagem do Som e trouxe de volta o cinema Belas Artes. Confira todos os nomes na galeria de fotos acima.

+ Como tirar boas selfies (e fugir dos micos)

+ Radar cultural: as atrações boas, as ruins, as lotadas e as tranquilas

+ As separações e uniões de 2014

  • No retrospectiva dos programas culturais, as filas nem sempre foram sinônimo de algo imperdível
    Saiba mais
  • Especialistas indicam cinco pontos a ficar atento para não queimar o filme
    Saiba mais
  • Comportamento

    As separações e uniões de 2014

    Atualizado em: 29.Dez.2014

    Confira a maré de algumas relações no ano que passou
    Saiba mais
  • Veja São Paulo Recomenda

    Atualizado em: 19.Dez.2014

    Os melhores programas para fazer na cidade nesta semana
    Saiba mais
  • Quadrilátero famoso pelos prédios da Hípica tem hamburgueria, alfaiataria e até antiquário em espaços exíguos
    Saiba mais
  • Mistérios da Cidade / Mistérios da Cidade

    Concurso de ciências premia os melhores projetos de escolas estaduais

    Atualizado em: 19.Dez.2014

    Iniciativa promovida pela Secretaria de Educação classificou o vencedor para feira nos Estados Unidos
    Saiba mais
  • Residências em condomínios de luxo próximas a praias e aos parques da Disney são oferecidas por diárias de 380 dólares
    Saiba mais
  • Mistérios da Cidade / Mistérios da Cidade

    Câmara proíbe comercialização de suco infantil que simula espumante

    Atualizado em: 19.Dez.2014

    Prefeito Fernando Haddad tem até janeiro para sancionar ou vetar o projeto de lei
    Saiba mais
  • Ligada ao governo do estado, a Emplasa comandou projetos para interligação de uma região que engloba capital, litoral, Vale do Paraíba e Campinas
    Saiba mais
  • Comportamento

    Confira as novidades da semana da coluna Bichos

    Atualizado em: 2.Out.2015

    A seção fala sobre a abertura de uma padaria pet na cidade
    Saiba mais
  • Notas sobre artistas, sociedade, esportistas, política e muito mais
    Saiba mais
  • O grafiteiro vive um paradoxo semelhante ao do artista Romero Britto. Enquanto é festejado lá fora, provoca narizes torcidos entre seus pares brasileiros
    Saiba mais
  • Empresários chegam também a alugar quartos de suas próprias casas para turistas em sites especializados
    Saiba mais
  • As boas compras: floresta tropical

    Atualizado em: 19.Dez.2014

  • Carnes

    Milanino

    Rua Jerônimo da Veiga, 153, Jardim Europa

    VejaSP
    Sem avaliação
  • Cozinha variada

    Praça São Lourenço

    Rua Casa do Ator, 608, Vila Olímpia

    Tel: (11) 3053 9300

    VejaSP
    17 avaliações

    Nos dias de sol, é o jardim arborizado que atrai primeiro as atenções do público que vem atrás do bufê de almoço (R$ 62,00, de segunda a sexta; R$ 107,00, nos sábados; R$ 116,00, nos domingos e feriados). De positivo, aparecem pedidas como a maminha braseada, a maçã ao curry e a couve- -for gratinada. Uma ou outra opção, no entanto, precisa de revisão, caso da salada de tomate, cebola-roxa e coentro, que costuma trazer folhas de rúcula murchas. No jantar, o lugar oferece apenas sugestões à la carte.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Franceses

    Le Jazz Brasserie - Shopping Iguatemi

    Avenida Brigadeiro Faria Lima, 2232, Jardim Paulistano

    Tel: (11) 3097 8331

    VejaSP
    12 avaliações

    Não sem um quê de improviso, o primeiro Le Jazz Brasserie foi aberto por sete amigos em um espaço apertado, no térreo de um prédio residencial em Pinheiros. O local, onde havia funcionado uma oficina mecânica, nem espaço para estoque tinha. Mas deu tão certo que se multiplicou por mais dois endereços vistosos, um nos Jardins (3062-9797) e outro no Shopping Iguatemi (3097-8331). A política é igual em todas a unidades: receitas tradicionais a preços que cabem no bolso. Quem cuida do salão é o sócio Gil Carvalhosa Leite, enquanto o chef Chico Ferreira se ocupa da cozinha. Por R$ 63,50, saboreia-se o peito de pato malpassado na medida junto ao molho de tangerina com espinafre e purê de batata. Mais moderna, a lula cortada como um espaguete à carbornara foi decalcada da receita criada pelo chef francês Jean-François Piège e pode ser saboreada de entrada. O molho leva parmesão, crocante de presunto cru, uma gema de ovo no centro e salsinha picada (R$ 43,50). Feita com duas fatias de pão recheadas de geleia de frutas vermelhas, a rabanada quentinha contrasta com o gelado do sorvete de baunilha (R$ 22,50).

    Preços checados em 14 de junho de 2016.

    Saiba mais
  • Mexicanos

    Sí Señor - Morumbi

    Avenida Doutor Guilherme Dumont Villares, 1093, Jardim Londrina

    Tel: (11) 2985 8095

    VejaSP
    4 avaliações

    Queridinha do paulistano, a rede de estilo tex-mex contabiliza nove endereços na capital — o mais recente deles foi inaugurado em julho no Shopping Eldorado. Todos têm em comum o menu repleto de pedidas de pegada latina, o escuro ambiente embalado por pop, rock e blues e o atendimento de jeitão informal. Para bebericar, prefira o chope (Brahma, R$ 9,80). O apetitoso burrito de frango (R$ 34,00) leva no recheio tiras de peito grelhado, feijão, queijo prato e vinagrete típico.

    Preços checados em 19 de abril de 2016.

    Saiba mais
  • Pubs

    O'Malley's

    Alameda Itu, 1529, Cerqueira César

    Tel: (11) 3086 0780

    VejaSP
    16 avaliações

    Nas três décadas de funcionamento, o pub nunca saiu de moda. Noite após noite, seus múltiplos ambientes fcam apinhados de todo tipo de gente, de playboys a gringos de jeitão desencanado que paqueram e curtem os shows de pop rock. Para entrar no espírito do lugar, a oferta etílica inclui pints de chopes ingleses como o London Pride (R$ 23,00) e o Black Cab Stout (R$ 21,00). Quem consegue uma mesa não raro aproveita para matar a fome com receitinhas como o fsh and chips (R$ 29,00), feito com flé de pescada e acompanhado de molho tártaro.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Chope e cerveja

    Bela Santos

    Alameda Santos, 2444, Cerqueira César

    Tel: (11) 5096 1152

    VejaSP
    1 avaliação

    O Bela Santos está instalado em um dos pontos estratégicos da região da Paulista, a esquina da Alameda Santos com a Rua Bela Cintra, onde funcionaram a saudosa choperia München e o Boteco Brasil. Em outubro, os proprietários da rede de pizzarias Monte Verde ocuparam o imóvel com vários janelões distribuídos por toda a fachada. No melhor estilo boteco chique, o salão se enche de um público que trabalha no pedaço e vem se abastecer com o chope (Heineken, R$ 7,90) sem a esperada cremosidade no colarinho. Ainda que um pouco açucarada, a caipirinha de caju e tangerina (R$ 18,00) fica boa com o picolé de limão colocado dentro dela. Sob a alcunha de cacetão, a linguiça calabresa grelhada e frita chega à mesa com dois tomates inteiros numa das extremidades (R$ 55,00). Apesar de seco, o embutido é melhor que o bife ancho (R$ 65,00; 250 gramas), um naco de carne do tamanho da palma de uma mão, com direito a uma guarnição, como uma polenta frita bem sem graça.

    Preços checados em 15 de dezembro de 2014.

    Saiba mais
  • Docerias

    Ofner - Shopping Villa-Lobos

    Avenida das Nações Unidas, 4777, Jardim Universidade Pinheiros

    Tel: (11) 5693 8647

    VejaSP
    1 avaliação

    Hoje, a rede é porto seguro para bate-papos que avançam na madrugada — unidades como as do Itaim e do Jardim Paulista ficam abertas 24 horas. Muitos dos itens nas vitrines não empolgam, caso do mil-folhas e dos trudel (R$ 11,50 cada um), ambos com massa por vezes molenga. Ainda que pouco lembre a receita francesa, a tarte tatin (R$ 10,90) é a pedida para acompanhar o cafezinho (R$ 5,30). Consiste em uma tortinha de maçã com creme de baunilha e lâminas de amêndoa. Dos salgados, a coxinha de frango com catupiry e a empada de camarão (R$ 8,30 e R$ 8,90, respectivamente) costumam agradar. Para preços mais em conta, vale ir à loja de fábrica, no Socorro, ZonaSul, onde o desconto nos itens chega a 30%.

    Preços checados em setembro/outubro de 2016.

    Saiba mais
  • Em sua 23ª edição, o evento traz sete peças com apresentações diárias. Toda segunda, pode-se ver ✪✪✪ Alice - O Musical, dirigida por Max Oliveira. Às terças, sobe ao palco o elenco de Marcelo, Marmelo, Martelo e Outras Histórias, adaptação de Marcelo Peroni para o texto de Ruth Rocha. Com formato de saga musical e trilha sonora inspirada em clássicos de Pink Floyd, Beatles e Queen, A Bela Adormecida — Uma Ópera Rock, sob o comando de Daniela Biancardi, tem vez às quartas. No dia seguinte, ganha exibição Piratas do Caramba, de Rafael Pequeno. No fim da semana, às sextas, ✪✪✪ Pinocchio ocupa a cena com os atores da Cia. Urbana de Teatro. Aos sábados e domingos, às 16 horas, é possível assistir à ✪✪✪ Rapunzel, da Cia. Le Plat du Jour. Na sequência, às 17h50, a Imago Cia. de Animação encerra a programação com a ótima ✪✪✪✪ Pedro e o Lobo. De 4/7/2015 a 31/7/2015.
    Saiba mais
  • Após fotografar a fachada de prédios de diversas regiões de São Paulo, a carioca Claudia Jaguaribe resolveu explorar o interior dos lares paulistanos. Por dois anos, entrou na casa de chineses, bolivianos, descendentes de italianos e outros moradores da capital. Os registros, individualmente, já renderiam uma bela exposição, mas a montagem de EntreVistas feita no Itaú Cultural, organizada como uma instalação, vai além disso. Dispostas lado a lado em sequência numa sala escura, o que dilui a divisão entre cada residência, as imagens têm suas cores realçadas por um painel luminoso. Totens espalhados pelo ambiente recebem projeções de ruas e detalhes arquitetônicos. Nas fotos ao fundo, helicópteros cruzam os céus no fim de tarde. Essa combinação de elementos reproduz a energia de São Paulo. A história de cada personagem retratado pode ser conhecida em pequenos e bem produzidos documentários, disponíveis na entrada do local em tablets.  Até 11/1/2015.
    Saiba mais
  • Tradicional evento metaleiro criado na Inglaterra em 1980 e posteriormente espalhado pelo mundo, o festival tem uma relação de longa data com São Paulo. Foi realizado por aqui de 1994 a 1996 e em 1998, trazendo nomes de peso como Motörhead, Faith No More, Ozzy Osbourne e Slayer em uma época em que grandes shows internacionais eram bem mais escassos do que hoje na cidade. Em 2013, depois de quinze anos de hiato, o Monsters of Rock voltou a acontecer na capital, tendo Aerosmith e Slipknot como headliners. No próximo ano, São Paulo recebe mais uma edição do evento, a ser realizada nos dias 25 e 26 de abril na Arena Anhembi. O line-up completo já foi anunciado e conta com KISS, Ozzy Osbourne, Judas Priest, Motörhead, Manowar, Black Veil Brides, Rival Sons, Primal Fear, Accept, Unisonic, Yngwie Malmsteen e Steel Panther. Dias 25 e 26/4/2015. Ingressos à venda a partir de 19/12/2014, à 0h, em www.ingressorapido.com.br. Confira a programação por dia: Sábado (25/4/2015): Ozzy Osbourne, Judas Priest, Motorhead, Black Veil Brides, Rival Sons e Primal Fear Domingo (26/4/2015): Kiss, Judas Priest, Manowar, Accept, Unisonic, Yngwie Malmsteen e Steel Panther
    Saiba mais
  • Entre as cenas mais marcantes da história do cinema está a abertura do Mar Vermelho em Os Dez Mandamentos, superprodução dirigida por Cecil B. DeMille, em 1956. Não à toa, essa é uma das sequências mais esperadas de Êxodo — Deuses e Reis. E o resultado, tanto em qualidade técnica quanto em criatividade, não decepciona. Infelizmente, porém, o épico bíblico de Ridley Scott não se sustenta nas boas ideias, como a do oceano que seca para os judeus o atravessarem. A primeira parte do longa-metragem, por exemplo, traz figurinos e maquiagem emulando trajes egípcios típicos de um Carnaval na Sapucaí. Também o tom solene imposto pela direção dá certa canastrice ao elenco, incluindo aí seu protagonista, Christian Bale. O ator interpreta Moisés, general do exército do Egito, tido como um irmão de Ramsés (Joel Edgerton), herdeiro do trono e filho do faraó Seti (John Turturro). Uma mudança dramática no destino de Moisés se anuncia quando ele descobre ter raízes judaicas. A partir daí, instala-se numa aldeia, casa-se e, anos depois, a pedido de Deus, vai liderar uma rebelião para libertar 600 000 hebreus escravizados por Ramsés. A intenção é levá-los rumo a Canaã. Scott, o “comandante” de Gladiador e afeito a efeitos visuais, acerta igualmente nos momentos em que as dez pragas arrasam o povo egípcio e na escolha do ótimo menino Isaac Andrews para interpretar o Criador. São soluções originais para um filme desnecessariamente longo e irregular. Estreia prometida para 25/12/2014.
    Saiba mais
  • Os Bélier moram na área rural de uma pequena cidade da França e, fazendeiros, vendem queijos na feirinha do centro. Como a mãe (Karin Viard), o pai (François Damiens) e o irmão (Luca Gelberg) da adolescente Paula (Louane Emera) são surdos-mudos, ela fica responsável pela comunicação com os clientes. A garota também carrega o peso de falar, literalmente, em nome da família. Vivendo as mudanças hormonais típicas da idade, Paula tem um temperamento instável. Nas aulas de canto, porém, seu talento é descoberto pelo professor (Eric Elmosnino), que a incentiva a participar de um concurso em Paris. O que o destino reserva para uma moça cheia de sonhos, mas presa aos vínculos familiares? Um conflito dramático ganha tratamento bem-humorado, culminando numa sequência musical capaz de aflorar emoção. Em sua estreia no cinema, Louane Emera, descoberta aos 16 anos no programa The Voice, consegue arrebatar soltando a voz em Je Vole (Eu Voo). Estreia prometida para 25/12/2014.
    Saiba mais
  • As clássicas tirinhas criadas por René Goscinny e Jean-Jacques Sempé, em 1956, já renderam O Pequeno Nicolau, longa-metragem de 2009. Cinco anos depois, os personagens principais estão de volta — os pais continuam sendo interpretados por Valérie Lemercier e Kad Merad, mas Nicolau agora ganha a atuação de Mathéo Boisselier. A trama começa em Paris e se desloca para uma praia do litoral francês. É lá que o pai, a mãe e a avó se instalam num hotel à beira-mar. Nicolau deixou uma suposta namoradinha na cidade e encontrou cinco coleguinhas de farra. Quando a família reencontra um velho amigo, o menino entra em pânico ao saber que ele (por brincadeirinha) está prometido em casamento. Sua suposta futura noiva é calada e muito, muito estranha. Nicolau, então, reúne a turma para dar um jeito de expulsar os parentes dela de lá o mais rápido possível. Embora seja este o mote central, a comédia tem um roteiro estruturado em divertidos esquetes para focar outros conflitos igualmente espirituosos — a sogra impertinente, a mãe assediada por um produtor de cinema italiano, o pai em atrito com o chefe... O visual retrô (algo entre as décadas de 50 e 60), o humor nostálgico e as brincadeiras próprias de qualquer infância tornam o filme uma diversão garantida para adultos e crianças. Estreia prometida para 25/12/2014.
    Saiba mais
  • Em um ano, Leandro Hassum estrelou quatro comédias. Entre Até que a Sorte Nos Separe 2, Vestido pra Casar e O Candidato Honesto, eis seu pior momento nas telas. Tal qual na aventura “infantojuvenil” O Segredo dos Diamantes, também em cartaz, Os Caras de Pau tem um roteiro como se saído da década de 70 — imagine um filme dos Trapalhões sem a presença de Didi, Dedé, Mussum e Zacarias. Os personagens nasceram no seriado homônimo da TV Globo e ganharam o primeiro (e, espera -se, último) longa-metragem para o cinema. Na trama, Jorginho (Hassum) e Pedrão (Marcius Melhem) são contratados como seguranças de um valioso anel, de propriedade da ricaça Gracinha de Medeiros (Christine Fernandes), em exposição para visitantes num museu. Um ninja invade o local para roubar a joia, a dupla contra-ataca e sai vitoriosa. Mas, entre os golpes no assaltante, Jorginho engole o topázio e a polícia os julga responsáveis pelo roubo. Só resta aos dois, então, fugir e encontrar meios de provar a inocência. Travestidos de senhoras ou apelando para o humor pastelão, os protagonistas não provocam sequer sorrisos amarelos na plateia. Menos por culpa deles, a serviço de um texto primário, e mais por causa da falta de criatividade reinante no cinema nacional de apelo popular. Se a intenção era buscar o público infantil, basta dar uma olhada no encantador, esperto e divertido As Férias do Pequeno Nicolau para ver o abismo entre a fita brasileira e a produção francesa. Estreou em 25/12/2014.
    Saiba mais
  • As fadas do verão correm o risco de perder as asas caso cheguem ao bosque do inverno. Curiosa, Tinker Bell atravessa a fronteira e, surpresa!, ela ganha um brilho extraordinário. Ao se aproximar de Periwinkle, a fada da geada, ocorre o mesmo fenômeno. O segredo de tal magia será revelado pela experiente Dewey, que conhece a conexão entre as duas. Estreou em 21/9/2012.
    Saiba mais
  • O que isso quer dizer?

    Atualizado em: 19.Dez.2014

Fonte: VEJA SÃO PAULO