criminalidade

Seis morrem após ataques na Zona Sul

Suspeita é que atentados tenham acontecido após assassinato de policial militar em Parelheiros

Por: Veja São Paulo

Ataques Parelheiros
Ataques na região de Parelheiros deixaram seis mortos (Foto: Edu Silva/Futura Press/Folhapress)

Ataques ocorridos em Parelheiros, na Zona da Sul da cidade, na noite de quarta-feira (15), deixaram seis mortos. A suspeita é que os atentados tenham ocorrido após a morte de um policial militar na região. Na manhã de quarta, o cabo Leonilson Figueiredo foi assassinado em frente à sua casa, na Estrada 15. 

De acordo com a polícia, o primeiro ataque aconteceu na Rua Alice Bastide. Dois jovens conversavam quando um carro de cor prata parou e os homens que estavam dentro do veículo efetuaram vários disparos. Os rapazes morreram no local.

Ainda segundo a polícia, os atiradores fizeram novo ataque na Rua Sônia, que cruza com a via do primeiro crime. Pai e filho foram baleados quando saiam de casa. A Polícia Civil informou quecápsulas de armas calibres 380, 12, ponto 40 e 9 milímetros foram encontradas em ambos os atentados, .

+ Confira as últimas notícias

Também na região de Parelheiros, três homens foram vítimas de disparos na Rua Fonte Nova, Jardim das Fontes. Entre as vítimas, um morreu no local, outra foi encaminhada ao Hospital de Parelheiros e não resistiu e a terceira permanece internada.

Os casos estão sendo investigados Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa. Ninguém foi preso até o momento.

Fonte: VEJA SÃO PAULO